Portugal, Mulher

PASSATEMPOS:

-Arte e cultura

-Informatica e Internet

-Viagens

ADMIRO:

-sinceridade

-inteligencia

DETESTO:

-ingratidao

-ignorancia























blog da rosamar
imagens da rosamar
rosamar'space
cantinho da rosamar
recordaçoes da casa amarela
rosa negra
musica é vida
blog da taruca
blog da rosamar 2
casa amarela 2
se essa rua fosse minha
manduka place
freguesia de cesar
rainha da costa verde
banda de musica de espinho
tuna musical de anta
pensamentos e desabafos



presente da Marcinha



presentinho da Vivi



presentinhos da Val





obrigada Val pelo carinho

por favor nao me metam em correntes, eu nao entro. obrigada.

por favor nao me metam em correntes, eu nao entro. obrigada.






...*Cá entre Nós*...






Rua dos Blogs




BettySandley Mountain



Recebendo no sofa azul


"Se para vencer, estiver em jogo a sua honestidade, perca!
Você será sempre um Vencedor!"


ANTIGO CLUBE



sala de votos



sala de visitas



forum






ana clara


paloma





chaîne amitié









CLIQUE
ajude-nos a dar-lhe colo... vai ver que não pesa nada!

cliques desde o dia 1 de Junho de 2001







































Vero Passion
Vote neste site!

Le boudoir d'adelina













































- 01/07/2017 a 31/07/2017
- 01/08/2016 a 31/08/2016
- 01/12/2014 a 31/12/2014
- 01/12/2013 a 31/12/2013
- 01/11/2013 a 30/11/2013
- 01/03/2012 a 31/03/2012
- 01/02/2012 a 29/02/2012
- 01/01/2012 a 31/01/2012
- 01/12/2011 a 31/12/2011
- 01/10/2011 a 31/10/2011
- 01/08/2011 a 31/08/2011
- 01/04/2011 a 30/04/2011
- 01/12/2010 a 31/12/2010
- 01/10/2010 a 31/10/2010
- 01/07/2010 a 31/07/2010
- 01/05/2010 a 31/05/2010
- 01/04/2010 a 30/04/2010
- 01/03/2010 a 31/03/2010
- 01/02/2010 a 28/02/2010
- 01/01/2010 a 31/01/2010
- 01/10/2009 a 31/10/2009
- 01/09/2009 a 30/09/2009
- 01/08/2009 a 31/08/2009
- 01/07/2009 a 31/07/2009
- 01/06/2009 a 30/06/2009
- 01/04/2009 a 30/04/2009
- 01/03/2009 a 31/03/2009
- 01/02/2009 a 28/02/2009
- 01/01/2009 a 31/01/2009
- 01/12/2008 a 31/12/2008
- 01/11/2008 a 30/11/2008
- 01/10/2008 a 31/10/2008
- 01/09/2008 a 30/09/2008
- 01/08/2008 a 31/08/2008
- 01/07/2008 a 31/07/2008
- 01/05/2008 a 31/05/2008
- 01/04/2008 a 30/04/2008
- 01/03/2008 a 31/03/2008
- 01/02/2008 a 29/02/2008
- 01/01/2008 a 31/01/2008
- 01/12/2007 a 31/12/2007
- 01/11/2007 a 30/11/2007
- 01/10/2007 a 31/10/2007
- 01/09/2007 a 30/09/2007
- 01/08/2007 a 31/08/2007
- 01/07/2007 a 31/07/2007
- 01/06/2007 a 30/06/2007
- 01/05/2007 a 31/05/2007
- 01/04/2007 a 30/04/2007
- 01/02/2007 a 28/02/2007
- 01/01/2007 a 31/01/2007
- 01/12/2006 a 31/12/2006
- 01/11/2006 a 30/11/2006
- 01/10/2006 a 31/10/2006
- 01/09/2006 a 30/09/2006
- 01/08/2006 a 31/08/2006
- 01/07/2006 a 31/07/2006
- 01/06/2006 a 30/06/2006
- 01/04/2006 a 30/04/2006









...cecilia helena...
...cleide canton...
...clicia pavan...
...ecos da poesia...
...iraima...
...marcelino...
...nancy...
...tere...





...ana clara...
...bernardo...
...kaka...
...kika...
...kika...
...lekka...
...luisa...
...neusa...
...raio...
...rosa kit...
...sandy...
...santos sampaio...
...silvia...




...rosamar's space...
...minhas imagens...
...anaromantica...
...tere...
...lena...
...sei escrever...
...marcelino2...
...marcelino3...
...marcelino...
...radio uol...
...marines...
...radio renascença...
...nandus...
...sandy...
...neide...
...falando com o coracao...
...cidinha feitosa...
...rosa elisa...
...cece-suecia...
...paloma...
...monica...














online












Esta pombinha da paz voa de site em site. Ajude-a a fazer a volta ao mundo, levando-a para o seu blog. Aqui ao meu ela chegou dia 27/08/2006














"Amigo"
..Amigo é aquela pessoa com quem conversamos sem reservas, independente da hora ele sabe oferecer o aconchego do seu coraçao sem pedir nada em troca, e quando ele precisa sabe que pode fazer o mesmo sem objecçao, nao importa o tempo que estejam distante fisicamente, amizade é irma do amor e nao tem cara, tem reciprocidade, afectividade, respeito, carinho, confiança e alegria.
..Amigo é aquela pessoa que nos diz o que acha ser correcto, mesmo nao sendo o que gostariamos de escutar, mas sabe respeitar a decisao do outro sem censuras.
..Amigo avisa-nos do perigo quando nao conseguimos enxergar, sem contrapor nas decisoes tomadas.
Amigo sabe dar e receber o ombro amigo sem pre-requisitos, ele sabe ouvir, tanto quanto escutar... ..Amigo naturalmente se comporta com aceitaçoes mil e ameaças zero.
..Nao existe escola para formaçao de amigos, eles por si ja nascem aptos, por isto nao impomos regras dentro de uma amizade, elas se compatibilizam sem invasoes,unindo os verdadeiros amigos, sem maldades, sem segredos, sem interesses, a felicidade de um, é a felicidade do outro.
..Sem esforço sabemos distinguir nossos amigos hoje te procurei simplesmente para dizer:
..Estou feliz porque gosto muito de ti, meu amigo. és muito importante para mim.




































quadrinhos



































































rosas



















































































































































































moranguinho





























































































sapatinhos



























































































































<







































































PRINCESAS DISNEY



































































































































































































*FIM DO BLOG POR FALTA DE ESPAÇO*





O SONO DA AMÉLIA

A Amélia dorme... (Ó Maria,
Diz àquela cotovia
Que fale mais devagar:
Não vá a Amélia acordar...)

Tem só um palmo de altura
E nem meio de largura:
Para o amigo orangotango
A Amélia seria... um morango!
Podia engoli-la um leão
Quando nasce! As pombas são
Um poucochinho maiores...
Mas os astros são menores!

A Amélia dorme... Que regalo!
Deixá-la dormir, deixá-la!
Calai-vos, águas do moinho!
Ó Mar! fala mais baixinho...
E tu, Mãe! e tu, Maria!
Pede àquele cotovia
Que fale mais devagar:
Não vá a Amélia acordar...

A Amélia dorme, a Inocente!
Dorme, dorme eternamente,
Teu calmo sono profundo!
Não acordes para o Mundo,
Pode levar-te a maré:
Tu mal sabes o que isto é...

Ó Mãe! canta-lhe a canção,
Os versos do teu Irmão:
"Na vida que a Dor povoa,
Há só uma coisa boa,
Que é dormir, dormir, dormir...
Tudo vai sem se sentir."

Deixa-a dormir, até ser
Uma velhinha... até morrer!

E tu vê-la-ás crescendo
A teu lado (estou-a vendo
Amélia! que menina tão linda!)
Mas sempre sempre dormindo...

Depois, um dia virá
Que (dormindo) passará
do berço, onde agora dorme,
Para outro, grande, enorme:
E as pombas que eram maiores
Que Amélia ... ficarão menores!

Mas para isso, ó Maria!
Diz àquela cotovia
Que fale mais devagar:
Não vá a Amélia acordar...

E os anos irão passando.

Depois, já velhinha, quando
(Serás velhinha também)
Perder a cor que, hoje, tem,
Perder as cores vermelhas
E for cheinha de engelhas,
Morrerá sem o sentir,
Isto é, deixa de dormir:
Acorda e regressa ao seio
De Deus, que é d'onde ela veio...

Mas para isso, ó Maria!
Pede àquela cotovia
Que fale mais devagar:

Não vá a Amélia acordar...

adaptado de O SONO DO JOÃO
António Nobre
(De: "Só")




- Postado por: rosamar as 17h11
[ ] [ envie esta mensagem ]



Princesas Disney



- Postado por: rosamar as 01h28
[ ] [ envie esta mensagem ]



13 Dezembro - Santa Luzia





- Postado por: rosamar as 21h42
[ ] [ envie esta mensagem ]



Querida amiga Rosamaria

Mais um ano transcorreu no tempo da vida...
Todos nós nele caminhamos pelas ruas da vida...
Caminhamos, ora sós, cheios de dor, de mágoas, de irritações, de sonhos não vividos.

Caminhamos, ora de mãos dadas com a esperança, com a alegria, com a fé, com a confiança nas realizações pretendidas e conquistadas.

Caminhamos todos juntos: semeando, colhendo, orando, olhando, vivendo.

Caminhamos tristes, felizes, derrotados, vitoriosos.

Ganhamos amigos e outros foram caminhar em ruas diferentes daquelas pelas quais costumamos fazer nossas incursões.

Todos, no entanto, deixaram bem edificados em nosso coração algum bem eterno.

Ainda ouvimos o soar das guerras, das catastrofes, dos egoísmos, das vaidades, das ambições, das discriminações, das grandes diferenças sociais...

Um novo tempo , vem apontando no horizonte.

Que nele todos nós possamos entrar com a alma verdadeiramente nova; fazendo com que o brilho da vida aconteça: não importando-se com velha ou nova linguagem, mas que principalmente pelas ruas da vida possamos caminhar reforçando as antigas e lindas canções da amizade já construídas; formando novas e belas canções de amizades vindouras .

E , sempre e sempre, deixando a porta do coração aberta para que:
das tristezas possamos fazer conquistas;
das derrotas possamos fazer aprendizado;
do aprendizado possamos crescer e todos juntos caminharmos em direção à paz, à igualdade, à fraternidade.

Que o novo ano seja verdadeiramente novo, não pelo calendário que o diz ser assim; mas sim pelo novo ano a ser feito pela alma nova, renovada de esperança, renovada de confiança, renovada de sonhos, renovada de Amor.

São os meus desejos carinhosos para você e sua família em 2014!
Obrigada por sua presença em minha vida em 2013 e pretendo, com sua permissão, continuar
a seu lado no novo ano que se inicia.
Receba meu abraço carinhoso

Cleo Dutra



- Postado por: rosamar as 19h54
[ ] [ envie esta mensagem ]



Alvaro Cunhal, o homem que recusou ser comum
10 Nov 1913 - 13 Jun 2005

*1 - 1937: A primeira prisao
Aos 23 anos, detido pela primeira vez, ja a sua posiçao ja estava bem firmada no PCP. Ingressou na Faculdade de Direito da Universidade de Lisboa, em 1931 (na mesma data em que se filia no PCP).Designado, enquanto Daniel, lider das Juventudes Comunistas Portuguesas, vai a Moscovo em 1935. Às insurreiçoes operarias que acontecem por todo o Pais, em particular na Marinha Grande (18 de janeiro de 1934) e à Revolta dos Marinheiros (8 de setembro de 1936), o regime de Salazar reage ferozmente. e criado o campo de concentraçao de Tarrafal, para onde e enviado Bento Gonçalves, o entao secretario-geral do PCP (sobrevivera apenas sete anos). Em Espanha, o jovem Cunhal participa, ao lado dos comunistas espanhois, na luta contra a sublevaçao fascista. Apanhado numa cilada de um provocador infiltrado, e preso pela PVDE (predecessora da PIDE) e sujeito às mais barbaras sevicias: dois meses de incomunicabilidade, espancado a murro e com cavalo-marinho, obrigado a caminhar depois de feridas e inchadas as plantas dos pes. Perdeu os sentidos, levou cinco dias ate dar acordo de si. Em casa, com apenas 10 anos, a irma Eugenia ve a mae a lavar a roupa ensanguentada do irmao, enviada do Aljube. A mae dizia-lhe que eram bichos da cadeia que lhe mordiam. Enviado para Penamacor, na qualidade de "soldado correcio", entrou em greve da fome, por duas semanas, ate ser enviado para o hospital de Coimbra.
*2 - 1942: A reorganizaçao do PCP
Decapitadas as cupulas do partido, e a Cunhal quem cabe segurar-lhe as redeas. Apos nova prisao, da-se a celebre defesa da sua tese sobre o aborto (preparada e concluida na cadeia), que, apesar do arrojo do tema e de um dos arguentes ser Marcello Caetano, foi aprovada com 16 valores. Salazar, na sua falsa neutralidade, apoia Hitler e Mussolini à custa do agravamento das condiçoes de vida dos portugueses. e o tempo das senhas de racionamento, das grandes fomes, da exploraçao dos trabalhadores e do desemprego, das brutais condiçoes de empobrecimento e das grandes greves, tambem. Sao os tempos dos passeios doutrinarios, no Tejo, casas conspirativas flutuantes, com Soeiro Pereira Gomes, Alves Redol e Dias Lourenço.
Depois de solto e na clandestinidade, Alvaro (agora Duarte) assume a liderança partidaria. Com menos de 30 anos, tomava para si as maiores responsabilidades. A partir daqui, o partido torna-se em AC e DC (antes e depois de Cunhal): disciplina reforçada, mais regras, maior rigidez. e ele quem redige o opusculo Se Fores Preso Camarada, com instruçoes para os interrogatorios, resistencia à tortura e para nao denunciar nunca.
*3 - Anos 40: A clandestinidade
Nunca se referindo, em particular, às condiçoes em que viveu, Alvaro Cunhal foi deixando pistas, nos seus livros.
Nomeadamente em 5 Dias, 5 Noites (adaptado ao cinema, por Fonseca e Costa, em 1996), sobre a fuga a salto de um jovem citadino por uma fronteira nortenha e a estranha relaçao com o seu rural passador (interpretados por Paulo Pires e Vitor Norte). Mas e sobretudo no romance Ate Amanha, Camaradas (que depois da serie televisiva de Joaquim Leitao se estreara em sala, como filme, a 7 de novembro) que se recolhe alguns fragmentos da vida na clandestinidade destes "revolucionarios profissionais". O livro de Manuel Tiago mostra a fome, crianças de ventre dilatado, mulheres descarnadas, trabalhadores escolhidos como escravos, nas praças de jorna. Quanto aos clandestinos, como se nao lhes bastasse o perigo, a perseguiçao e a prisao sempre iminente, a sobrevivencia era dura, nao tendo, ainda por cima, acesso às senhas de racionamento e ao mercado negro. O livro elucida-nos sobre o quotidiano dos clandestinos: a monotonia das tarefas partidarias, os quilometros calcorreados de bicicleta, a solidao, o constrangimento das mulheres, tantas vezes confinadas a meras guardias das casas clandestinas, os casais forçados que, sem se conhecerem, tinham de partilhar a cama e rotinas, o absurdo de certas regras conspirativas como ter de fazer a barba todos os dias ou nunca apanhar frutos das arvores.
*4 - 1949: A longa prisao
Aos 35 anos, Cunhal e apanhado na casa clandestina, no Luso, juntamente com Sofia Ferreira e Militao Ribeiro. O pai, Avelino, coloca um anuncio em codigo no jornal, para advertir o partido de que Duarte (o nome que entao usava) estava preso. Ja nao o torturaram nao valia a pena. Mas pensa-se, e este ainda foi um dado pouco explorado pelos historiadores, que a PIDE tinha a intençao de eliminar Cunhal, no momento. Se nao o fez, entao, tentou que soçobrasse por força de uma das mais inclementes provaçoes carcerarias. Indicio disso sao as cartas com inventarios dos seus bens, agora reveladas na Fotobiografia das Ediçoes Avante!, admitindo a hipotese de morrer.
Entre elas, um comovente pedido ao diretor da penitenciaria, solicitando apanhar um ramo de flores dos jardins da cadeia para serem entregues à mae aniversariante. Mantiveram--no oito anos incomunicavel, numa cela de dois por quatro metros, na Penitenciaria de Lisboa, sem papel sequer para tomar apontamentos e preparar a sua defesa em julgamento.
Militao Ribeiro sucumbiria, vitima das crueis condiçoes prisionais: uma foto revela o seu corpo num estado de subnutriçao impressionante. Entretanto, Cunhal elabora a sua longa defesa, recorrendo a um metodo de memorizar e projetar mentalmente os topicos, no lajedo da cela. A defesa terminaria assim: ". entao que se sentem os fascistas no banco dos reus, entao que se sentem no banco dos reus os atuais governantes da naçao e seu chefe Salazar." e perante o tribunal plenario que se declara "filho adotivo da classe operaria". Apos o julgamento, atenuado o regime de privaçoes, dedica-se, tenazmente, à pintura (sao desta epoca os famosos Desenhos de Prisao), traduz o Rei Lear, de Shakespeare, escreve Ate Amanha, Camaradas, e 5 Dias, 5 Noites e A Arte, o Artista e a Sociedade. O trabalho, o estudo, a arte tornam-se forma de resistencia. Entretanto, a figura de Alvaro Cunhal ganha contornos internacionais, Neruda dedica-lhe o poema A Lâmpada Marinha, Jorge Amado apela do outro lado do Atlântico, chovem pedidos de amnistia. Alvaro Cunhal torna-se uma personalidade maior. Porventura, maior ate que o proprio partido.
*5 - 1960: A grande evasao
A mais ousada fuga coletiva das prisoes politicas portuguesas nao so constituiu um reforço das cupulas do PCP (entre os dez fugitivos do forte de Peniche estavam alguns dos seus mais altos dirigentes), como dela resultou uma grande humilhaçao de Salazar. Alem de um enorme gaudio nas parangonas do Avante!. Nas barbas do regime, da inexpugnavel fortaleza, uma das mais bem guardadas prisoes do fascismo (Cunhal tinha sido para ai transferido em 1956), graças a uma articulaçao metodica, aos pormenores estudados com a pericia de relojoeiro, conexoes ca fora, cumplicidade de um guarda, la dentro, um carcereiro narcotizado e uma dose imensa de coragem, dez presos evadem-se. Nas celas vazias, ficou a tocar a Sinfonia Patetica, de Tchaikovsky. A aura de Cunhal cresceu ainda mais ate à sua dimensao lendaria. Tanto que, na descida, atraves de uma corda, pelas dezenas de metros das muralhas, Cunhal traz consigo, como Homero ou Camoes, escondidos num colete fabricado para o efeito, os manuscritos de Ate Amanha Camaradas (na altura, ainda intitulado A Mulher do Lenço Preto na fuga acabou por se perder uma das partes, que o autor mais tarde reconstituiu). Tambem nesta fase se abre uma porta na vida familiar. Escondido numa casa clandestina, no Penedo, Sintra, Alvaro Cunhal, entao com 47 anos, conhece Isaura Moreira, com 18, que seria a mae da sua unica filha, Ana (nascida a 25 de dezembro do mesmo ano). Em março de 1961, Cunhal e eleito secretario-geral do partido e parte, em seguida, para o exilio. A familia instala-se na capital sovietica, ate se separarem, em 1965.
Isaura e Ana viajam para Bucareste. Isaura trabalha na Radio Portugal Livre e Ana recebera frequentes visitas do pai. Ana tera dois filhos com quem o avô mantera muito afetuosas relaçoes (apesar das distâncias: viviam entre a casa do pai, na Australia, e a da mae, na Belgica). Mais tarde, nasce um terceiro neto de Cunhal de um outro relacionamento de Ana Jonas de Ro, internacionalmente conceituado artista plastico, que viveu em Berlim e agora em Londres, e que tem ligaçoes a Hollywood, nomeadamente atraves do blockbuster Cloud Atlas.
*6 - 1961: O Exilio
A resistencia organiza-se, agora, a partir do estrangeiro. Define-se a estrategia do PCP para o derrube do fascismo e instalaçao de um regime democratico, em Portugal.
Cunhal estabelece contactos com os principais lideres do movimento comunista internacional, aprofunda relaçoes, pontes politicas com a restante oposiçao antissalazarista (agregando socialistas, liberais, catolicos, republicanos e monarquicos) dao-se em Argel e Praga as celebres reunioes com Humberto Delgado, e com os movimentos de libertaçao das colonias.
Por outro lado, aumenta o seu comprometimento com a linha pro-sovietica. Publica o famoso documento Rumo à Vitoria, no qual, em oito pontos, estabelece as prioridades para um Portugal democratico: "Destruir o fascismo; liquidar o poder dos monopolios; realizar a reforma agraria; elevar o nivel de vida dos trabalhadores; democratizar a instruçao e cultura; libertar Portugal do imperialismo; direito à imediata independencia das colonias; seguir uma politica de paz e amizade com todos os povos."
*7 - 1974: O "Dia Inicial"
O dia 25 de abril apanha-o em Paris. A disciplina impoe-se à emoçao e nao o faz desmarcar uma reuniao. O ultimo Avante! clandestino, de abril de 1974 alias, com um grafismo notavel tem tres parangonas inesqueciveis: "Escalada da Tortura"; "Nao Dar Treguas ao Fascismo"; "Aliar à Luta Antifascista os Patriotas das Forças Armadas". Nesse mesmo dia, a comissao executiva do PCP apela ao povo para "que se una e lute para que o fascismo seja liquidado para sempre e instauradas as liberdades democraticas! Para que cesse imediatamente a guerra colonial e acabe o colonialismo! Para que Portugal se liberte do dominio dos monopolios e do imperialismo estrangeiro!". Alvaro Cunhal tem direito a uma receçao calorosa, a 30 de abril, no aeroporto de Lisboa: as suas primeiras palavras, aos microfones das radios e televisao, sao: "Confiança, confiança." Ao fim de 40 anos de luta, prisoes, privaçoes, clandestinidade e exilio, Eugenia Cunhal deixa-se ficar atras da multidao: o ultimo abraço pertence-lhe. Soares tambem la esteve: "Cunhal entre um soldado e um marinheiro, em cima de um tanque lembrava Lenine, no seu regresso." Da Portela segue diretamente para uma reuniao com Spinola, ovacionado nas ruas. O general do monoculo, Presidente da Junta de Salvaçao Nacional, disse-lhe que o Avante! deveria sair sem a foice e o martelo e sem se intitular orgao central do PCP. Ao que Cunhal responde: "Nao sei como e que vao fazer isso, nem a PIDE conseguiu." A cena do soldado e do marinheiro repetirse-a num 1.º de Maio estrondoso de aclamaçao popular, no entao estadio da FNAT, em Alvalade, quando Soares e Cunhal se voltam a encontrar, ja com alguma frieza. Nas decadas que se seguiram, ate hoje, e reconhecida ao PCP a preocupaçao com o estrito cumprimento da lei e respeito institucional. Tera sido uma herança deAlvaro Cunhal, que nunca tentou chegar ao poder pela via nao legal, como se chegou a insinuar. Dizem que a irredutibilidade dele liquidou o partido e a sua força eleitoral: ha quem defenda exatamente o contrario. No entanto, nunca perdoaria as dissidencias.
*8 - 1992: Passagem de testemunho
Alvaro Cunhal quis correr, ele mesmo, a cortina do seu proprio espetaculo, embora nunca se tenha retirado verdadeiramente da politica. Com 79 anos, 31 de secretario-geral, rende a guarda. Sucede-lhe Carlos Carvalhas, no XIV Congresso, em Almada. Para o acolher e criado um cargo especial: o de presidente do Conselho Nacional. O ultimo discurso, enquanto lider, dura duas horas e, no final, e aplaudido durante mais de tres minutos. Ha lagrimas na assistencia. "Passei uma duzia de anos na prisao, 11 seguidos e oito completamente isolado numa cela, isto e muito duro mas houve companheiros meus que estiveram mais de 20 anos presos. Fui torturado quase ate à morte, mas o certo e que houve alguns mortos na tortura, porque se recusaram a fazer declaraçoes. Estive mais de 10 anos clandestino, mas houve camaradas meus que estiveram mais de 20, mais de 30, a ser perseguidos pela policia, sem nunca desistir da luta pela liberdade em Portugal."
*9 - 1994: Autoria
Se duvidas restassem ficou eliminado o tabu literario. Cunhal assume a autoria de todas as obras assinadas com o pseudonimo Manuel Tiago. Logo em dezembro de 1975, foi editado Ate Amanha, Camaradas, com uma nota inicial em que se esclarecia que o original datilografado fora encontrado no meio de um arquivo, com uma pequena folha apensa e agrafada, onde se lia, "em rabisco apressado, o nome de Manuel Tiago, pseudonimo, de certeza. Foram consultadas pessoas que poderiam dar, eventualmente, indicaçoes, conduzindo à identificaçao.
Sem resultado.
O autor fica assim merecendo o titulo de "homem sem nome", tal como as personagens do seu livro". Esta foi a mais ambigua e discutida das suas ficçoes. Sendo um romance neorrealista, transgride-lhe as regras: nao se limita ao retrato e à denuncia das condiçoes de vida do proletariado e camponeses.
Pelo contrario, o foco desvia-se para o duro quotidiano dos militantes comunistas na clandestinidade, as fugas, as prisoes, a morte, as provaçoes e privaçoes. Mesmo assim, Cunhal continuou sempre a negar que aquelas circunstâncias narradas se baseassem em experiencias pessoais baseavam-se sim, dizia, nas vivencias compositas de inumeros camaradas.
Manuel Gusmao afirma estarmos "perante um dos poucos romances de heroi coletivo da literatura portuguesa". Urbano Tavares Rodrigues nao hesitou em coloca-lo na prateleira das obras maiores do neorrealismo.
*10 - 2005: A Morte
A morte de Alvaro Cunhal, ja bastante debilitado, e de visao muito diminuida, embora ainda lucido, e anunciada pelo Comite Central do PCP com "profunda magoa e emoçao", às 5 horas e 54 minutos do dia 13 de junho de 2005. Dois dias depois, realiza-se um funeral de Estado. Decretou-se o luto nacional, e milhares de pessoas, em cortejo funebre, percorreram, durante mais de duas horas, a avenida desde a Praça do Chile ate ao Alto de Sao Joao. Agitavam-se cravos, muitas bandeiras vermelhas e palavras de ordem, jorravam muitas lagrimas e a consternaçao era visivel. Foi a sua ultima grande manifestaçao de massas. Antes de a urna entrar no forno crematorio, entoaram-se a Internacional e o Hino Nacional.


Ler mais: http://visao.sapo.pt/alvaro-cunhal-o-homem-que-recusou-ser-comum=f756581#ixzz2kGm1YA25



- Postado por: rosamar as 20h17
[ ] [ envie esta mensagem ]




Ser Mulher

MULHER...
Semente...
SER-mente...
SER que faz gente,
SER que faz a gente.

MULHER...
SER guerreiro, guerrilheiro, lutador...
multimídia, multitarefa, multifaceta, multi-acaso...
multi-coração...

MULHER...
SER que dá conta,
que vai além da conta,
que multiplica,
divide, soma e subtrai, sem perder a conta,
sem se dar conta, de que esse século foi seu parto,
na direção de seu espaço,
de seu lugar de direito e de facto,
de seu mundo que lhe foi usurpado e que agora é por ela ocupado.

MULHER... Esse SER florado,
esse SER adorado,
esse SER adornado,
que nos poem em um tornado,
nos deixa saciado e transtornado,
que nos faz explodir e sentir extasiado.
SER admirado...

MULHER...
Nesse final de milênio, faça a transição.
Tire de seu coração a semente que vai mudar toda a gente
levando o mundo a ser mais gente...
Um mundo mais feminino,
mais rosado e sensibilizado,
mais equilibrado e perfumado...

PARABÉNS MULHER!!!
Não pelo oito de março,
nem pelo beijo e pelo abraço,
nem pelo cheiro e pelo amasso.
Mas por ser o que és...
Humus da humanidade,
Raiz da sensibilidade,
Tronco da multiplicidade,
Folhas da serenidade,
Flores da fertilidade,
Frutos da eternidade...
Essência da natureza humana.

Parabéns... mulher.

(Miriam Zelikowski)


meus amigos não estão à venda
nem os compro em qualquer lugar
um amigo é tão valioso ...
que dinheiro nenhum pode comprar

a amizade é tão cara...
que só os ricos de coração possuem.
a minha riqueza consiste nas minha amizades
não importa onde estejam,
em qualquer lugar do mundo,
ou na tela ilusória da internet,
ou do lado,como um vizinho ausente.

meus amigos são muito importantes ...
dentro da importancia que dou a minha vida...
não preciso saber endereço,
muito menos a sua vida,
mas sei que estao presentes,
nas horas que mais preciso...

letras que nos dizem sua voz,
idades que não importam para nós,
muito menos identidade,
sei que os tenho...
sei quanto valem...
isso me importa...
amigos são como anjos que nos levantam
nas pontas dos pés,quando ...
nossas asas têem problemas,
nos lembrando como voltar a voar...

você faz parte desta turma de amigos ???

comece agora a fazer!!!

(obrigada darlise)



PEDRAS NO CAMINHO

Posso ter defeitos, viver ansioso e ficar irritado algumas vezes, mas nao esqueço de que minha vida é a maior empresa do mundo...
E que posso evitar que ela va à falencia.
Ser feliz é reconhecer que vale a pena viver, apesar de todos os desafios, incompreensao e periodos de crise.
Ser feliz é deixar de ser vitima dos problemas e se tornar um autor da propria historia.
É atravessar desertos fora de si, mas ser capaz de encontrar um oasis no recondito da sua alma.
É agradecer a Deus a cada manha e pelo milagre da vida.
Ser feliz é nao ter medo dos proprios sentimentos.
É saber falar de si mesmo.
É ter coragem para ouvir um nao.
É ter segurança para receber uma critica, mesmo que injusta.
Pedras no caminho?

GUARDO TODAS, UM DIA VOU CONSTRUIR UM CASTELO!...

(Fernando Pessoa)



- Postado por: rosamar as 00h06
[ ] [ envie esta mensagem ]



Aveiro, 2 de Agosto de 1929 — Setúbal, 23 de Fevereiro de 1987



- Postado por: rosamar as 10h35
[ ] [ envie esta mensagem ]





Lembrando a minha mãe, um poema de Antonio Gedeão:
A MÃEZINHA
A terra de meu pai era pequena
e os transportes difíceis.
Não havia comboios, nem automóveis, nem aviões, nem misséis.
Corria branda a noite e a vida era serena.

Segundo informação, concreta e exacta,
dos boletins oficiais,
viviam lá na terra, a essa data,
3023 mulheres, das quais
45 por cento eram de tenra idade,
chamando tenra idade
à que vai do berço até à puberdade.

28 por cento das restantes
eram senhoras, daquelas senhoras que só havia dantes.
Umas, viúvas, que nunca mais (oh! nunca mais!) tinham sequer sorrido
desde o dia da morte do extremoso marido;
outras, senhoras casadas, mães de filhos
(De resto, as senhoras casadas,
pelas suas próprias condições,
não têm que ser consideradas
nestas considerações.)

Das outras, 10 por cento,
eram meninas casadoiras, seriíssimas, discretas,
mas que por temperamento,
ou por outras razões mais ou menos secretas,
não se inclinavam para o casamento.

Além destas meninas
havia, salvo erro, 32,
que à meiga luz das horas vespertinas
se punham a bordar por detrás das cortinas
espreitando, de revés, quem passava nas ruas.

Dessas havia 9 que moravam
em prédios baixos como então havia,
um aqui, outro além, mas que todos ficavam
no troço habitual que o meu pai percorria,
tranquilamente no maior sossego, às horas em
que entrava e saía do emprego.

Dessas 9 excelentes raprigas
uma fugiu com o criado da lavoura;
5 morreram novas, de bexigas;
outra, que veio a ser grande senhora,
teve as suas fraquezas mas casou-se
e foi condessa por real mercê;
outra suicidou-se
não se sabe porquê.

A que sobeja
chama-se Rosinha.
Foi essa que o meu pai levou à igeja.
Foi a minha mãezinha.



- Postado por: rosamar as 23h23
[ ] [ envie esta mensagem ]





- Postado por: rosamar as 23h54
[ ] [ envie esta mensagem ]



Feliz Natal

13 Dezembro - Santa Luzia

15 Dez 2011 (será desta vez?)

*Descolamento de Retina* 
A retina é uma camada presente no fundo do olho composta por células nervosas responsáveis por transformar a energia luminosa do meio externo em energia elétrica, sendo esta transportada para o cérebro através do nervo óptico aonde será formada a imagem e com isto a visão.
Descolamento de Retina é uma enfermidade que a retina se separa da parede posterior do olho ficando assim sem nutrição e iniciando um processo de degeneração celular.

Existem 3 tipos de descolamento de Retina:

*1. Descolamento de Retina Regmatogénico fig. 1, abaixo.
Ocorre devido a passagem de líquido vítreo do centro do olho para debaxo da retina através de uma rotura ou buraco de retina, fig. 1, abaixo. É o tipo mais comum de descolamento de retina

*2. Descolamento de Retina Exsudativo
Neste caso nao ha a presenca de rotura ou buraco de retina. Ocorre da mesma forma acúmulo de líquido sob a retina, contudo este provem de outra estrutura ou região debaixo da retina. As causas mais comuns são tumores e processos inflamatórios

*3. Descolamento de Retina Tracional
Este tipo de descolamento geralmente ocorre devido a tração "puchamento" exercido sobre a retina geralmente realizado por tecido fibrovascular dentro da cavidade vítrea. A causa mais comum nestes casos é o acometimento ocular pelo diabetes contudo doenças inflamatórias ou a própria Retinopatia da Prematuridade pode ser a causa

Em relação ao Descolamento de Retina Regmatogênico, normalmente a retina não apresenta nenhum buraco ou rotura em toda a sua extensão, contudo se este aparecer haverá a propensão de que líquido presente dentro do olho, vítreo liquefeito, penetre por este buraco ou rotura indo se acumular sob a retina gerando o DR.

A causa mais comum das roturas ou buracos de retina, é o descolamento de vítreo posterior relacionado com a idade. Entretanto o vítreo pode se descolar de forma traumática como por exemplo quando o paciente tem um trauma no olho.
Devido a maior parte das roturas de retina ocorrerem na periferia da retina quando o descolamento de retina se inicia o paciente notará o aparecimento de uma mancha negra de um dos lados da visão e como a tendência é de progressão do descolamento esta irá ficar cada vez maior até o indivíduo ter um comprometimento grave visual que é quando a macular, regiao central da retina responsável por visão de detalhes fica comprometida. Alguns pacientes relatam ainda aparecimento de uma "cortina negra na visão#
Se uma rotura ou buraco de retina é decoberta antes dos DR ocorrer, ela pode ser tratada antes da retina descolar e o tratamento mais utilizado é através de laser, entretanto pode ser realizado crioterapia que significa um congelamento da regiao. O laser provoca queimaduras ao redor da rotura que posteriormente cicatriza e com isso impede que ocorra entrada de liquido de dentro do olho para debaixo da retina através da rotura. O tratamento do achado, rotura de retina ou buraco de retina, vai depender da avaliação e indicação do médico oftalmologista.

Infelizmente, alguns casos assim que desenvolvem descolamento de vítreo posterior já iniciam o descolamento de retina e algumas vezes o Descolamento de Vítreo Posterior não gera sintoma algum e por isto o paciente não procurara o oftalmologista. Portanto, muitos pacientes se apresentará com descolamento de retina no primeiro exame necessitando de tratamento cirúrgico.

*Tratamento do Descolamento de Retina*

O tratamento do Descolamento de Retina só pode ser realizado com cirurgia. Felizmente, aproximadamente 90% dos descolamentos de retina podem ser tratados com somente uma cirurgia. Atualmente existe 3 tipos de cirurgia para tratamento do Descolamento de Retina, que são retinopexia pneumática, introflexao escleral e Vitrectomia Posterior.
Cabe a seu cirurgiao de retina optar de acordo com o tipo de descolamento e configuração do mesmo sobre a melhor técnica cirúrgica a ser adotada.

*1. Retinopexia Pneumática.
Certos descolamento de retina regmatogêncio se desenvolvem devido a pequenos buracos ou roturas na região superior do olho que é quando este procedimento pode ser realizado. Esta cirurgia é realizada injetando-se dentro do olho uma certa quantidade de gás para que este obstrua o buraco ou a rotura da retina impedindo a passagem de líquido por ele e com isso propiciando resolução do descolamento. Para selar a rotura ou buraco pode ser realizado a crioterapia antes da injeção de gás ou pode ser realizado laser após a resolução do descolamento de retina.

O gás fica dentro do olho de 30-60 dias e é absorvido pelo próprio organismo, contudo o paciente não deve viajar para altas altitudes pois o mesmo tem a capacidade de se expandir aumentando assim a pressão do olho. Neste tipo de cirurgia o paciente tem que ficar em uma determinada posição segundo orientação médica por aproximadamente 2 semanas. Se a retina não reaplicar com este tipo de técnica então faz-se necessário ou a realização de introflexão escleral ou vitrectomia pars plana.

*Introflexão Escleral
A cirurgia de introflexão escleral ainda é amplamente utilizada nos dias de hoje ou de forma isolada ou associada a vitrectomia posterior. Esta cirurgia tem a finalidade de se suturar ao redor do olho um segmento composto de silicone a fim de que ele fique posterior a todas as roturas que geraram o descolamento de retina. Já no intraoperatório mesmo antes de suturar o elemento introflexor é realizado a crioterapia próximo a rotura para que quando a retina se aplicar a rotura ficar selada.

*2. Vitrectomia Posterior
Geralmente ela é referida como "Vitrectomia Pars Plana". Nos últimos anos esta técnica cirurgica passou por extreme avanço e ultimamente tem sido amplamente usada para tratamento de certos tipos de descolamento de retina. Esta técnica consiste na realização de pequenas incisões na parede anterior do olho para a introdução de instrumentos dentro do olho. O primeiro passo da cirurgia é a remoção do vítreo de dentro do olhocom um instrumento que corta o vítreo e o aspira ao mesmo tempo. Após dependendo do tipo e a causa do descolamento vários outros instrumentos são introduzidos como (tesoura, pinça, laser, e etc) e procedimentos outros são realizados como (excisão de tração, troca fluido-gasosa, injeção de óleo de silicone dentro do olho, e etc, tudo isto usado a critério do cirurgião com o objetivo de facilitar e potencializar a reaplicação da retina. Neste tipo de cirurgia é importante a manutenção da posição da cabeça conforme solicitação do medico para ajudar na aplicação da mesma.

*Resultado cirúrgico
A percentagem de reaplicacao da retina é variável pois obedece uma série de variantes como idade do paciente, tipo de descolamento, tempo de descolamento, posição e numero de roturas, presença de alta miopia e etc. Quando o médico elege primeiro um dos 3 procedimentos acima e a retina não é aplicada, pode repetir ou revisar a mesma técnica ou lançar mão de outro procedimento ou uma associação dos mesmos Algumas vezes a introflexao escleral é associada a Vitrectomia Pars Plana se a retina não for aplicada com o primeiro tipo de cirurgia escolhida ou se a retina redescola após ter sido reaplicada com sucesso. Quando ocorre redescolamento este geralmente é devido ao desenvolvimento de tecido cicatricial na superfície da retina e a forcas tracionais de dentro do vítreo.
Portanto, nao há uma cirurgia somente ou um método único para a reparacao do descolamento de retina e todos os procedimentos disponíveis podem ser usados em diferentes combinações e seqüências dependendo da situação específica.

http://www.institutoderetina.com.br/


- Postado por: rosamar as 02h16
[ ] [ envie esta mensagem ]



Parabens Nany!



SER MAE É ISTO

É sempre estar cansada,
de nunca ficar parada,
de ter sempre o que fazer.
É engolir quase inteiro,
nao demorar no banheiro
e se aprontar sem se ver.
É acordar de madrugada,
e nao dormir quase nada
se um filho adoecer...

De novo ler historinhas
os contos da carochinha,
para o filho adormecer...
É interromper a novela,
quando está no melhor dela,
para o filho atender.
É inventar pratos "mil",
se um filho com fastio,
inventar de nao comer.
É estudar outra vez
Todo o curso que ja fez,
Para o filho aprender.

Outra vez brincar de "roda",
e estar por dentro da moda
quando a filhinha crescer.
É ouvir musicas "chatas"
e esquecer as serenatas,
que sempre davam prazer.
É curtir uma quadrilha
Quando entao é sua filha
quem vai dançar pra valer.
Ser mae é virar uma semente
Pra viver novamente
Quando um filhinho nascer.

Ser Mae é isto! (graças a Deus!)

(Maria Augusta Gouveia)



- Postado por: rosamar as 00h41
[ ] [ envie esta mensagem ]



Onde está Kadhafi?


Já é oficial. Kadhafi está em Espinho. 
O Coronel escolheu Espinho "por ser a Rainha da Costa Verde, por ter a maior concentração de tendas de Portugal e por ter encontrado alguém que, tal como ele, também gosta de farturas" 
Kadhafi irá participar nos "Ernestos 2011". 

 

 



- Postado por: rosamar as 18h23
[ ] [ envie esta mensagem ]



presentinhos de Dia da Mae que recebi













Feliz Pascoa



presentinhos de Pascoa que recebi











sou Destaque no blog do Vanderlei



a todos MUITO OBRIGADA!



- Postado por: rosamar as 22h43
[ ] [ envie esta mensagem ]





presentinhos recebidos

*Betty Blue*



*Sandra V*



*Ginette*



*Ioio*



*Louise*



*Soninha*



*Serenella*



obrigada a todas pelo carinho



- Postado por: rosamar as 21h47
[ ] [ envie esta mensagem ]



1 Dezembro - Dia Mundial de Luta contra a SIDA



- Postado por: rosamar as 18h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



Parabens Nany



- Postado por: rosamar as 17h24
[ ] [ envie esta mensagem ]



Hospital de S. Joao - Porto - 6 a 11 Outubro de 2010

Minhas colegas do quarto F, Natalina e Rosalina. Rápidas melhoras para voces.

Santa Luzia



- Postado por: rosamar as 00h53
[ ] [ envie esta mensagem ]



Coincidencias...

Será que é uma mera coincidência? Estava eu a pensar...
A minha gata dorme em média 20 horas por dia. Ela tem toda a comida preparada. Pode comer qualquer coisa que lhe apeteça. A comida é-lhe dada sem custo.
Vai ao veterinário uma vez ao ano, ou quando necessário, sempre que algum mal lhe aparece. E não paga nada por isso, e nada lhe é pedido.
Mora numa zona central, com boa vizinhança e numa casa que é muito maior do que ela necessita, mas não precisa limpar nada. Se ele fizer porcaria, alguém limpa.
Escolhe os melhores lugares da casa para fazer a sua soneca, e recebe essas acomodações completamente grátis.
Vive como uma rainha e sem que isso lhe acarrete qualquer despesa extra. Todos os seus custos são pagos por outras pessoas que tem de sair de casa para ganhar a vida todos os dias.
Eu estive a pensar sobre isto, e de repente veio-me à ideia a resposta...


PQP!!!... A minha gata é deputada!!!



já agora se quizerem deixar um voto no FACEBOOK:
é so clicar na 5ª estrelinha.
obrigada


- Postado por: rosamar as 00h01
[ ] [ envie esta mensagem ]



 

24 Set 1909 - 3 Jun 2010

Abilio, estás pronto?

***

 

Palavras para quê? sao artistas portugueses a tramar o zé povinho...



- Postado por: rosamar as 23h52
[ ] [ envie esta mensagem ]





Dia da Mae - Presentinhos que recebi:


















Muguet - Presentinhos que recebi:









A todos MUITO OBRIGADA



- Postado por: rosamar as 00h30
[ ] [ envie esta mensagem ]



 

Apesar de já terem passado 36 anos, cada vez ha mais vampiros

OS VAMPIROS

No céu cinzento sob o astro mudo
Batendo as asas Pela noite calada
Vêm em bandos Com pés veludo
Chupar o sangue Fresco da manada

Se alguém se engana com seu ar sisudo
E lhes franqueia As portas à chegada
Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada [Bis]

A toda a parte Chegam os vampiros
Poisam nos prédios Poisam nas calçadas
Trazem no ventre Despojos antigos
Mas nada os prende Às vidas acabadas

São os mordomos Do universo todo
Senhores à força Mandadores sem lei
Enchem as tulhas Bebem vinho novo
Dançam a ronda No pinhal do rei

Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada

No chão do medo Tombam os vencidos
Ouvem-se os gritos Na noite abafada
Jazem nos fossos Vítimas dum credo
E não se esgota O sangue da manada

Se alguém se engana Com seu ar sisudo
E lhe franqueia As portas à chegada
Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada

Eles comem tudo Eles comem tudo
Eles comem tudo E não deixam nada

(Zeca Afonso)



- Postado por: rosamar as 00h25
[ ] [ envie esta mensagem ]



Hospital de S. Joao - Porto - 3 a 11 Março de 2010

Meus coleguinhas do quarto B, Joao Pedro e Bruno. Rápidas melhoras para voces.



Beijinhos. Rosamaria





- Postado por: rosamar as 21h15
[ ] [ envie esta mensagem ]



14 Fevereiro

 

O Fim da Linha

Mário Crespo

Terça-feira dia 26 de Janeiro. Dia de Orçamento. O Primeiro-ministro José Sócrates, o Ministro de Estado Pedro Silva Pereira, o Ministro de Assuntos Parlamentares, Jorge Lacão e um executivo de televisão encontraram-se à hora do almoço no restaurante de um hotel em Lisboa. Fui o epicentro da parte mais colérica de uma conversa claramente ouvida nas mesas em redor. Sem fazerem recato, fui publicamente referenciado como sendo mentalmente débil (“um louco”) a necessitar de (“ir para o manicómio”). Fui descrito como “um profissional impreparado”. Que injustiça. Eu, que dei aulas na Independente. A defunta alma mater de tanto saber em Portugal. Definiram-me como “um problema” que teria que ter “solução”. Houve, no restaurante, quem ficasse incomodado com a conversa e me tivesse feito chegar um registo. É fidedigno. Confirmei-o. Uma das minhas fontes para o aval da legitimidade do episódio comentou (por escrito): “(…) o PM tem qualidades e defeitos, entre os quais se inclui uma certa dificuldade para conviver com o jornalismo livre (…)”. É banal um jornalista cair no desagrado do poder. Há um grau de adversariedade que é essencial para fazer funcionar o sistema de colheita, retrato e análise da informação que circula num Estado. Sem essa dialéctica só há monólogos. Sem esse confronto só há Yes-Men cabeceando em redor de líderes do momento dizendo yes-coisas, seja qual for o absurdo que sejam chamados a validar. Sem contraditório os líderes ficam sem saber quem são, no meio das realidades construídas pelos bajuladores pagos. Isto é mau para qualquer sociedade. Em sociedades saudáveis os contraditórios são tidos em conta. Executivos saudáveis procuram-nos e distanciam-se dos executores acríticos venerandos e obrigados. Nas comunidades insalubres e nas lideranças decadentes os contraditórios são considerados ofensas, ultrajes e produtos de demência. Os críticos passam a ser “um problema” que exige “solução”. Portugal, com José Sócrates, Pedro Silva Pereira, Jorge Lacão e com o executivo de TV que os ouviu sem contraditar, tornou-se numa sociedade insalubre. Em 2010 o Primeiro-ministro já não tem tantos “problemas” nos media como tinha em 2009. O “problema” Manuela Moura Guedes desapareceu. O problema José Eduardo Moniz foi “solucionado”. O Jornal de Sexta da TVI passou a ser um jornal à sexta-feira e deixou de ser “um problema”. Foi-se o “problema” que era o Director do Público. Agora, que o “problema” Marcelo Rebelo de Sousa começou a ser resolvido na RTP, o Primeiro Ministro de Portugal, o Ministro de Estado e o Ministro dos Assuntos Parlamentares que tem a tutela da comunicação social abordam com um experiente executivo de TV, em dia de Orçamento, mais “um problema que tem que ser solucionado”. Eu. Que pervertido sentido de Estado. Que perigosa palhaçada.

Nota: Artigo originalmente redigido para ser publicacado hoje (1/2/2010) na imprensa.

O jornalista Mário Crespo vai abandonar a sua colaboração como colunista no Jornal de Notícias, depois de ter sido informado que a sua coluna semanal de opinião onde revelava conversas hostis de membros do Governo - não ia ser hoje publicada no jornal.

O artigo em causa descreve conversas mantidas entre José Sócrates, o ministro da presidência, Silva Pereira, o ministro dos assuntos parlamentares, Jorge Lacão, e um executivo de media, onde os membros do governo se referiram a Mário Crespo como “mais um problema a resolver”.

Em declarações ao Negócios, o jornalista revela que foi informado à meia-noite de hoje, por José Leite Pereira, director do título, de que o artigo não ia ser publicado.

“Ficou assente a não publicação do artigo e que eu não voltaria a escrever num jornal sob a direcção dele [José Leite Pereira]”, diz Mário Crespo. Até ao momento, não foi possível entrar em contacto com o director do jornal da Controlinveste.

O jornalista adianta ainda que entrou contacto com Zita Seabra, dona da editora Alêtheia, e ficou acordado que no dia 11 deste mês será lançado um livro de crónicas intitulado “A última Crónica”. O livro arranca com o texto que não foi hoje publicado e é constituído ainda por outros artigos escritos por Mário Crespo para o “JN” e para o “Expresso”.

***

O Palhaço

O palhaço compra empresas de alta tecnologia em Puerto Rico por milhões, vende-as em Marrocos por uma caixa de robalos e fica com o troco. E diz que não fez nada. O palhaço compra acções não cotadas e num ano consegue que rendam 147,5 por cento. E acha bem.

O palhaço escuta as conversas dos outros e diz que está a ser escutado. O palhaço é um mentiroso. O palhaço quer sempre maiorias. Absolutas. O palhaço é absoluto. O palhaço é quem nos faz abster. Ou votar em branco. Ou escrever no boletim de voto que não gostamos de palhaços. O palhaço coloca notícias nos jornais. O palhaço torna-nos descrentes. Um palhaço é igual a outro palhaço. E a outro. E são iguais entre si. O palhaço mete medo. Porque está em todo o lado. E ataca sempre que pode. E ataca sempre que o mandam. Sempre às escondidas. Seja a dar pontapés nas costas de agricultores de milho transgénico seja a desviar as atenções para os ruídos de fundo. Seja a instaurar processos. Seja a arquivar processos. Porque o palhaço é só ruído de fundo. Pagam-lhe para ser isso com fundos públicos. E ele vende-se por isso. Por qualquer preço. O palhaço é cobarde. É um cobarde impiedoso. É sempre desalmado quando espuma ofensas ou quando tapa a cara e ataca agricultores. Depois diz que não fez nada. Ou pede desculpa. O palhaço não tem vergonha. O palhaço está em comissões que tiram conclusões. Depois diz que não concluiu. E esconde-se atrás dos outros vociferando insultos. O palhaço porta-se como um labrego no Parlamento, como um boçal nos conselhos de administração e é grosseiro nas entrevistas. O palhaço está nas escolas a ensinar palhaçadas. E nos tribunais. Também. O palhaço não tem género. Por isso, para ele, o género não conta. Tem o género que o mandam ter. Ou que lhe convém. Por isso pode casar com qualquer género. E fingir que tem género. Ou que não o tem. O palhaço faz mal orçamentos. E depois rectifica-os. E diz que não dá dinheiro para desvarios. E depois dá. Porque o mandaram dar. E o palhaço cumpre. E o palhaço nacionaliza bancos e fica com o dinheiro dos depositantes. Mas deixa depositantes na rua. Sem dinheiro. A fazerem figura de palhaços pobres. O palhaço rouba. Dinheiro público. E quando se vê que roubou, quer que se diga que não roubou. Quer que se finja que não se viu nada.

Depois diz que quem viu o insulta. Porque viu o que não devia ver.

O palhaço é ruído de fundo que há-de acabar como todo o mal. Mas antes ainda vai viabilizar orçamentos e centros comerciais em cima de reservas da natureza, ocupar bancos e construir comboios que ninguém quer. Vai destruir estádios que construiu e que afinal ninguém queria. E vai fazer muito barulho com as suas pandeiretas digitais saracoteando-se em palhaçadas por comissões parlamentares, comarcas, ordens, jornais, gabinetes e presidências, conselhos e igrejas, escolas e asilos, roubando e violando porque acha que o pode fazer. Porque acha que é regimental e normal agredir violar e roubar.

E com isto o palhaço tem vindo a crescer e a ocupar espaço e a perder cada vez mais vergonha. O palhaço é inimputável. Porque não lhe tem acontecido nada desde que conseguiu uma passagem administrativa ou aprendeu o inglês dos técnicos e se tornou político. Este é o país do palhaço. Nós é que estamos a mais. E continuaremos a mais enquanto o deixarmos cá estar. A escolha é simples.

Ou nós, ou o palhaço.

(Mario Crespo)

 

 

 



- Postado por: rosamar as 22h39
[ ] [ envie esta mensagem ]



 

"O grande barato da vida é olhar pra trás e sentir o orgulho da sua história...
O grande lance é viver cada momento como se a receita da felicidade fosse o AQUI e AGORA!
Claro que a vida prega peças: é lógico que, por vezes, o pneu fura, chove demais... mas, pense só... Tem graça viver sem rir de gargalhar pelo menos uma vez ao dia?!
Tem sentido ficar chateado durante o dia todo por causa de uma discussão na ida pro trabalho?
Quero viver bem!!!! 2009 foi um ano cheio...
Foi cheio de coisas boas e realizações, mas também cheio de problemas e desilusões... Normal...
Às vezes se espera demais das pessoas. Normal....2010 não vai ser diferente!
O ano muda, mas o homem é cheio de imperfeições, a natureza tem sua personalidade que nem sempre é a que a gente deseja, mas e aí? Fazer o quê? Acabar com seu dia? Com seu bom humor? Com sua esperança?
O que eu desejo pra todos nós é sabedoria! Que todos saibamos transformar tudo em uma boa experiência!
Que todos consigamos perdoar o desconhecido, o mal educado. Entender o amigo que não merece nossa melhor parte. Se ele decepcionou, passe-o para a categoria 3, a dos amigos. Ou mude de classe, transforme-o em colega. Além do mais, a gente provavelmente, também já decepcionou alguém. E ninguém é perfeito... mas lembre-se que tudo pode mudar...
O nosso desejo não se realizou? Beleza, não tava na hora, não deveria ser a melhor coisa pra esse momento.
Chorar de dor, de solidão, de tristeza, faz parte do ser humano. Não adianta lutar contra isso.  Mas se a gente se entende e permite olhar o outro e o mundo com generosidade, as coisas diferentes... tudo muda dentro da gente!
Desejo pra você esse olhar especial!!!!
2010 pode ser um ano muito especial, muito legal, se entendermos nossas fragilidades e egoísmo e dermos a volta nisso.
Somos fracos, mas podemos melhorar. Somos egoístas, mas podemos entender o outro.
2010 vai ser o bicho, o máximo, maravilhoso, lindo, espetacular... ou... Pode ser puro orgulho!
Depende de mim, de você!
Pode ser. E que seja!!!
FELIZ OLHAR NOVO!!!"

FELIZ 2010!



- Postado por: rosamar as 19h44
[ ] [ envie esta mensagem ]





- Postado por: rosamar as 21h40
[ ] [ envie esta mensagem ]





23 Out 2009 - Autarquicas/Espinho

O Tribunal Constitucional (TC) confirmou hoje o resultado das eleiçoes autarquicas em Espinho, indeferindo o pedido do PS local que pedia a nulidade do acto eleitoral, depois de ter sido derrotado pelo PSD por 99 votos.

 

11 Out 2009 - Eleiçoes Autarquicas

O Povo de Espinho "castigou" Jose Mota

Venha a auditoria e as melhorias que Espinho precisa ha anos!!!

Nao é só inauguraçoes em vespera de eleiçoes (a Biblioteca, sem livros, uma vergonha!!!)

É preciso que Espinho volte rapidamente a ser a Rainha da Costa Verde como durante tantos anos mereceu o titulo.

É necessario (re)ver o negocio dos parquimetros - Espinho foi VENDIDO a uma empresa durante pelo menos 20 anos sem hipotese de contestaçao.

É preciso continuar a fazer passeios com os nossos velhinhos mais necessitados, que de outra forma nunca iriam passear (sem aproveitar esses passeios para tratar de assuntos particularissimos, como toda a gente sabe...)

É necessario tambem que se arranje uma sede para a nossa Banda de Musica, para que os musicos deixem de ter de ir ensaiar a Gaia (uma vergonha de que se pode realmente orgulhar o sr. Jose Mota)

Nao podemos esquecer o PASSADO do sr. Jose Mota pois por esse mesmo passado Espinho parou no tempo PRESENTE e se por acaso ele tivesse ganho, nao teriamos um FUTURO risonho pela frente.

Viva Espinho e a sua gente!!!



Rui Torres, presidente reeleito da Junta de Espinho, cumpriu uma promessa antiga, a de que mergulharia no chafariz se Jose Mota perdesse a Camara. Foi, por isso, um autarca encharcado que acompanhou os novos vereadores municipais na "invasao" pacifica dos Paços do Concelho.





Como é do conhecimento geral eu nao costumo aceitar nem passar selinhos. Uma vez que me foi oferecido pelo meu amigo Edu, que está sempre pronto a dar uma ajuda quando preciso, cá vai o selinho, que ofereço a todos os meus amigos que me visitam



visitem o blog dele, tem montes de boas dicas!!!



- Postado por: rosamar as 01h11
[ ] [ envie esta mensagem ]



Hoje o meu Tio ABILIO faz 100 anos!!!

Lembro-me das minhas ferias de infancia passadas na CASA GRANDE DE CIMO DE VILA, em Cesar, quando eu ia para a "FABRICA DOS CLAUDINOS" que tinha sido do meu Avô CLAUDINO e agora era dos meus tios, e que ficava no ré-do-chão da casa.
Como eu gostava de ir ver trabalhar o meu Tio Abilio, com a sua mão certinha, pintar os gasómetros, regadores, jarros, etc, tudo de zinco, tudo tão delicadamente enfeitado por ele!
Eu apreciava estar bem no meio dos trabalhadores e dos meus tios Américo e António (meu Padrinho) e ver como eles faziam essas peças e tambem as banheiras, dentro das quais me metia muitas vezes nas minhas brincadeiras.
Foi nessa casa que tive o sarampo, que conheci pela primeira vez uma Árvore de Natal com luzinhas verdadeiras de piscar, em forma de lanterninhas, que vi cinema pela primeira vez, que conheci as lindissimas histórias (verdadeiras e inventadas) que a minha avó Rosa contava, e que ainda hoje lembro com saudade.
Uma dessas histórias refere-se ao meu Tio Abilio: ele era muito "namoradeiro" e saía todas as noites para se encontrar com as imensas namoradas que tinha, mas sem o pai saber, pois nesse tempo havia horas para recolher mesmo para os rapazes. Então ele arranjou maneira de sair sem ninguem se aperceber, ou antes, só a minha avó sabia.
Como havia um alçapao em casa, que dava para a fábrica, ele fazia de conta que ia para a cama e depois descia para o rés-do-chão e saía para os encontros. A minha avó deixava o fecho do alçapão aberto, e quando ele chegava, era só subir as escadinhas, fechar o alçapão e deitar-se.
O pior foi uma vez que ela se esqueceu e deixou um saco em cima do tal alçapão e ele não conseguiu abri-lo e teve de dormir na fábrica. No dia seguinte foi uma risota das grandes quando o pessoal chegou para trabalhar e encontrou o meu tio Abilio a dormir dentro de uma banheira cheio de frio pois estávamos no Inverno e em Cesár é um gelo nessa época.

 

Parabens Tio ABILIO!!!

 24 SET 1909 - ABILIO TAVARES DE AZEVEDO - 24 SET 2009

5 de Junho de 1935
Em Assembleia Geral Extraordinaria reúnem os columbófilos desta Terra aprovando, por unanimidade, a criação duma Sociedade Columbófila:

Sociedade Columbófila de Cesar

        Esta Assembleia Geral foi presidida por Nelson Portal Jorge, secretariada por Aldemar Portal Jorge  e realizada em casa de Abílio Tavares de Azevedo. Com todas as dificuldades inerentes à época a columbofilia em Cesar atingiu altos níveis de competição. A disputa de diferentes campeonatos por várias dezenas de columbófilos projectou o nome desta colectividade ao mais alto nível.

http://www.cesar.columbofilia.net/



Co-fundador com mais 3 amigos, da columbofilia em Cesar, no tempo das corridas pedestres com os comprovativos dos pombos, em socos de madeira ou descalços.
Caçador desportivo (ultimamente de raposas, com laço)
Pescador desportivo.



- Postado por: rosamar as 16h47
[ ] [ envie esta mensagem ]



"A INÚTIL"(professora)Jóia escreveu a Miguel Sousa Tavares...Desanimado

Sobre os Professores

É do conhecimento público que o senhor Miguel de Sousa Tavares considerou os professores "os inúteis mais bem pagos deste país." Espantar-me-ia uma afirmação tão generalista e imoral, não conhecesse já outras afirmações que não diferem muito desta, quer na forma, quer na índole. Não lhe parece que há inúteis, que fazem coisas inúteis e escrevem coisas inúteis, que são pagos a peso de ouro? Não lhe parece que deveria ter dirigido as suas aberrações a gente que, neste deprimente país, tem mais do que uma sinecura e assim enche os bolsos? Não será esse o seu caso? O que escreveu é um atentado à cultura portuguesa, à educação e aos seus intervenientes, alunos e professores. Alunos e professores de ontem e de hoje, porque eu já fui aluna, logo de 'inúteis', como o senhor também terá sido. Ou pensa hoje de forma diferente para estar de acordo com o sistema?

O senhor tem filhos? - a minha ignorância a este respeito deve-se ao facto de não ser muito dada a ler revistas cor-de-rosa. Se os tem, e se estudam, teve, por acaso, a frontalidade de encarar os seus professores e dizer-lhes que "são os inúteis mais bem pagos do país."? Não me parece... Estudam os seus filhos em escolas públicas ou privadas? É que a coisa muda de figura! Há escolas privadas onde se pagam substancialmente as notas dos alunos, que os professores "inúteis" são obrigados a atribuir. A alarvidade que escreveu, além de ser insultuosa, revela muita ignorância em relação à educação e ao ensino. E, quem é ignorante, não deve julgar sem conhecimento de causa. Sei que é escritor, porém nunca li qualquer livro seu, por isso não emito julgamentos sobre aquilo que desconheço. Entende ou quer que a professora explique de novo?

Sou professora de Português com imenso prazer. Oxalá nunca nenhuma das suas obras venha a integrar os programas da disciplina, pois acredito que nenhum dos "inúteis" a que se referiu a leccionasse com prazer. Com prazer e paixão tenho leccionado, ao longo dos meus vinte e sete anos de serviço, a obra de sua mãe, Sophia de Mello Breyner Andersen, que reverencio. O senhor é a prova inequívoca que nem sempre uma sã e bela árvore dá são e belo fruto. Tenho dificuldade em interiorizar que tenha sido ela quem o ensinou a escrever. A sua ilustre mãe era uma humanista convicta. Que pena não ter interiorizado essa lição! A lição do humanismo que não julga sem provas! Já visitou, por acaso, alguma escola pública? Já se deu ao trabalho de ler, com atenção, o documento sobre a avaliação dos professores? Não, claro que não. É mais cómodo fazer afirmações bombásticas, que agitem, no mau sentido, a opinião pública, para assim se auto-publicitar.

Sei que, num jornal desportivo, escreve, de vez em quando, umas crónicas e que defende muito bem o seu clube. Alguma vez lhe ocorreu, quando o seu clube perde, com clubes da terceira divisão, escrever que "os jogadores de futebol são os inúteis mais bem pagos do país."? Alguma vez lhe ocorreu escrever que há dirigentes desportivos que "são os inúteis mais protegidos do país"? Presumo que não, e não tenho qualquer dúvida de que deve entender mais de futebol do que de Educação. Alguma vez lhe ocorreu escrever que os advogados "são os inúteis mais bem pagos do país"? Ou os políticos? Não, acredito que não, embora também não tenha dúvidas de que deve estar mais familiarizado com essas áreas. Não tenho nada contra os jogadores de futebol, nada contra os dirigentes desportivos, nada contra os advogados.
Porque não são eles que me impedem de exercer, com dignidade, a minha profissão. Tenho sim contra os políticos arrogantes, prepotentes, desumanos e inúteis, que querem fazer da educação o caixote do (falso) sucesso para posterior envio para a Europa e para o mundo. Tenho contra pseudo-jornalistas, como o senhor, que são, juntamente com os políticos, "os inúteis mais bem pagos do país", que se arvoram em salvadores da pátria, quando o que lhes interessa é o seu próprio umbigo.

Assim sendo, Sr... Miguel de Sousa Tavares, informe-se, que a informaçãozinha é bem necessária antes de "escrevinhar" alarvices sobre quem dá a este país, além de grandes lições nas aulas, a alunos que são a razão de ser do professor, lições de democracia ao país. Mas o senhor não entende! Para si, democracia deve ser estar do lado de quem convém.

Por isso, não posso deixar de lhe transmitir uma mensagem com que termina um texto da sua sábia mãe: "Perdoai-lhes, Senhor porque eles sabem o que fazem."

Ana Maria Gomes
Escola Secundária de Barcelos



- Postado por: rosamar as 16h05
[ ] [ envie esta mensagem ]



Presentinhos que me foram oferecidos por amigos blogueiros,do Orkut e dos grupinhos "Castelo dos Sonhos" e "Planeta Trocas"

































a TODOS MUITO OBRIGADA

***

29 Agosto 1958 - 25 Junho 2009



- Postado por: rosamar as 00h45
[ ] [ envie esta mensagem ]





“Uma noite eu tive um sonho… sonhei que estava andando com o Senhor, e através do céu passavam cenas da minha vida. Para cada cena que se passava percebi que eram deixados dois pares de pegadas na areia: um era o meu e o outro do Senhor. Quando a última cena da minha vida passou diante de nós, olhei para trás, para as pegadas na areia, e notei que, muitas vezes, no caminho da minha vida, havia apenas um par de pegadas na areia. Notei, também, que isso aconteceu nos momentos mais difíceis e angustiosos do meu viver.

Isso entristeceu-me deveras, e perguntei então ao Senhor: – Senhor, Tu me disseste que, uma vez que eu resolvi Te seguir, Tu andarias sempre comigo, mas notei que , durante as maiores atribulações do meu viver, havia na areia dos caminhos da vida apenas um par de pegadas. Não compreendo por que, nas horas que eu mais necessitava de Ti. Tu me deixaste.

O Senhor me respondeu: – Meu precioso filho, Eu te amo e jamais te deixaria nas horas de tua prova e do teu sofrimento. Quando viste na areia apenas um par de pegadas, foi exatamente aí que Eu, nos braços te carreguei…”

Mary Stevenson (Zangare) 1936
http://www.footprints-inthe-sand.com/



- Postado por: rosamar as 18h28
[ ] [ envie esta mensagem ]



Minha Amiga

  Você, que é minha amiga,
Você, que sempre me socorre quando preciso,
Você, que fala de assuntos interessantes...
Às vezes, coisas banais,
que para mim são tão importantes!
Você, que às vezes tão longe,
sinto tão perto em meu coração...

Você, minha amiga,
cujos olhos não vejo,
cuja alma sinto,
está sempre próxima,
bem mais perto do que a própria tela,
está mais próxima do que imagina...

Você, minha amiga,
que invadiu minha vida,
me fez gostar-te muito,
que não veio apenas através de um cabo telefônico,
mas veio do vento,
vento que nos leva para o encontro
das nossas alegrias...
Para a proximidade dos nossos sonhos.

Você me é especial,
e tudo o que se refere a você
me é tão importante:
as suas alegrias,
as suas mágoas,
as suas histórias,
as suas aventuras...
Quero te ver sempre próxima de mim!

Você, minha amiga,
que é muito mais que um encontro virtual,
é a realidade dos meus dias!
Por você eu navego,
por você eu crio,
por você eu tenho suportado
tantas coisas, com tanta força...

A você, minha amiga,
gostaria de fazer alguns pedidos:
Que você sempre permaneça em minha vida,
em meu coração.
Que seja minha eterna amiga;
além da tela,
além do tempo,
aqui dentro do meu coração...

(Vilma Galvao)
 



- Postado por: rosamar as 00h04
[ ] [ envie esta mensagem ]



A vida são os deveres que nós trouxemos para fazer em casa.

Quando se vê, já são seis horas!
Quando se vê, já é sexta-feira...
Quando se vê, já terminou o ano...
Quando se vê, perdemos o amor da nossa vida.
Quando se vê, já se passaram 50 anos!
Agora é tarde demais para ser reprovado.
Se me fosse dado, um dia, outra oportunidade, eu nem olhava o relógio.
Seguiria sempre em frente e iria jogando, pelo caminho, a casca dourada e inútil das horas.
Desta forma, eu digo:

Não deixe de fazer algo que gosta devido à falta de tempo,
pois a única falta que terá, será desse tempo que infelizmente não voltará mais.

(Mario Quintana) 

----------------------

merci patty



RECOMEÇAR

Não importa onde você parou,
em que momento da vida você cansou,
o que importa é que sempre é possível
e necessário "Recomeçar".
Recomeçar é dar uma nova chance a si mesmo.
É renovar as esperanças na vida e o mais importante:
acreditar em você de novo.
Sofreu muito nesse período? Foi aprendizado.
Chorou muito? Foi limpeza da alma.
Ficou com raiva das pessoas? Foi para perdoá-las um dia.
Sentiu-se só por diversas vezes?
É por que fechou a porta até para os outros.
Acreditou que tudo estava perdido? Era o início da sua melhora.
Pois é! Agora é hora de iniciar, de pensar na luz,
de encontrar prazer nas coisas simples de novo.
Que tal um novo emprego? Uma nova profissão?
Um corte de cabelo arrojado, diferente?
Um novo curso, ou aquele velho desejo de apender a pintar,
desenhar, dominar o computador, ou qualquer outra coisa?
Olha quanto desafio.
Quanta coisa nova nesse mundão de meu Deus te esperando.
Tá se sentindo sozinho? Besteira!
Tem tanta gente que você afastou com o seu
"período de isolamento", tem tanta gente esperando apenas
um sorriso teu para "chegar" perto de você.
Quando nos trancamos na tristeza nem nós mesmos nos suportamos.
Ficamos horríveis. O mau humor vai comendo nosso fígado,
até a boca ficar amarga.
Recomeçar! Hoje é um bom dia para começar novos desafios.
Onde você quer chegar? Ir alto.
Sonhe alto, queira o melhor do melhor,
queira coisas boas para a vida.
pensamentos assim trazem para nós aquilo que desejamos.
Se pensarmos pequeno, coisas pequenas teremos.
Já se desejarmos fortemente o melhor e principalmente
lutarmos pelo melhor, o melhor vai se instalar na nossa vida.
E é hoje o dia da Faxina Mental.
Joga fora tudo que te prende ao passado,
ao mundinho de coisas tristes, fotos, peças de roupa,
papel de bala, ingressos de cinema, bilhetes de viagens,
e toda aquela tranqueira que guardamos
quando nos julgamos apaixonados. Jogue tudo fora.
Mas, principalmente, esvazie seu coração.
Fique pronto para a vida, para um novo amor.
Lembre-se somos apaixonáveis,
somos sempre capazes de amar muitas e muitas vezes.
Afinal de contas, nós somos o "Amor".



...Rosamaria, Rosa+Maria nao bastasse a flor,
existe a Maria, nada mais que o nome da Mae Maior.
Rosamaria é uniao do afecto com a felicidade
e o perfume da mais adoravel e perfumada flor!...

(obrigada prof.nilceu)



- Postado por: rosamar as 21h52
[ ] [ envie esta mensagem ]



 

***

25 Abril 1974 - 25 Abril 2009

Tarrafal - Campo de Morte Lenta

Palavras de Joao Faria Borda (ja falecido), um homem que passou dezasseis anos e tres meses no Campo de Concentraçao que foi uma das mais sinistras criaçoes do regime a que a Revoluçao de 25 de Abril pôs termo.

"O campo de concentraçao era um rectangulo (cerca de 250m por 180) situado num dos sitios mais insalubres do arquipelago de Cabo Verde. Como alojamento existiam umas barracas de lona onde eram metidos cerca de 12 presos em cada uma. As casas de banho nao existiam. Havia apenas uns sanitarios – toscos muros de tijolo com uns buracos no chao e umas latas de gasolina para as necessidades. Como cozinha existia um telheiro com uns muros por onde a poeira entrava aos montes. Dois indígenas faziam a comida. A alimentaçao era péssima – havia ocasiões em que era necessario pôr bolas de algodao no nariz pois o cheiro da comida impedia que ela entrasse no estomago. Nao havia agua potável. Só existia água num poço a cerca de oitocentos metros do campo, água salobra que os presos transportavam em latas de gasolina. Mesmo assim era má e em pequena quantidade, nao chegando para a higiene. Tomava-se banho com um unico litro de agua despejada de uma lata onde eram feitos uns buracos para o efeito." "O primeiro director do Tarrafal foi Manuel Martins dos Reis, capitao gatuno e paranoico, vindo da Fortaleza de Angra do Heroísmo. Este director "entretinha-se" a roubar as coisas que os familiares dos presos, com sacrifício, mandavam, desculpando-se que tudo aquilo era enviado pelo Socorro da Marinha Internacional. Chegou mesmo a montar uma pseudo cantina onde vendia as coisas roubadas. Mal desembarcámos começámos imediatamente a trabalhar. Transportávamos pedras, sob vigilancia constante dos guardas. Em Cabo Verde, regiao de clima variavel, calhou chover bastante nesses anos. A lona das barracas apodreceu de tal maneira que lá dentro chovia como na rua e de manhã acordávamos com a cara negra da poeira que se pegava à humidade que sobre nós caía. As águas acumuladas formavam pantanos onde se desenvolviam mosquitos transmissores do paludismo. A saude de todos nós, presos, arruinava-se. Caíamos atacados da doença chamada biliose. Sem fornecimento de medicamentos e com um médico que era um patife da pior espécie, em poucos dias morreram sete camaradas. Em cerca de uma média de 200 presos era vulgar, em certas alturas, apenas dez andarem a pé." "Os escandalos da actuaçao do primeiro director levaram à demissao deste. Foi substituído por Joao da Silva, acompanhado pelo fascista Seixas. Estávamos em 1938/39. A guerra civil espanhola terminava com a vitória do fascismo. O ditador português Salazar tinha contribuído, apoiando com o envio de géneros alimentícios e de homens, os quais ficaram conhecidos pelos Viriatos. Hitler tinha subido ao poder em 1933. Na Itália existia Mussolini. A situação no campo do Tarrafal, reflexo da situação política internacional caracterizada pela ascensão do fascismo, agrava-se terrivelmente. João da Silva dizia frequentemente: "Quem está aqui é para morrer!" Com este director começou a funcionar sistematicamente a célebre tortura conhecida por "frigideira". Todos os dias eram para lá atirados presos e eu também por lá passei algumas vezes."

"O Tarrafal é uma prisão política que temos de pôr ao lado de Aljube, Peniche, Caxias, Angra do Heroísmo. Não foram só os presos do Tarrafal que sofreram mas sim milhares de antifascistas vítimas das prisões por onde passaram. Mas o Tarrafal tinha um aspecto mais duro e violento: o isolamento. Os presos estavam meses e meses sem receber correspondência. Devido a ter participado numa tentativa de fuga colectiva em 2 de Agosto de 1937, a qual falhou por razões imprevisíveis, fui castigado em seis meses sem correspondência. A minha mãe morreu em Julho mas só vim a sabê-lo em Novembro, passados portanto mais de quatro meses." "Todos os directores do Tarrafal, embora com características diferentes, tinham algo em comum: todos eram carcereiros e agentes do fascismo. Conheciam as técnicas nazis e usavam-nas. João da Silva usava uma técnica frequentemente: fazer promessas junto dos presos menos preparados, enquanto paralelamente redobrava a violência junto dos mais firmes. Todos os directores do Tarrafal procuraram reduzir, com mais ou menos intensidade consoante a situação política nacional e internacional, a capacidade de luta dos presos. Nenhum deles estava interessado em que estes fossem restituídos à liberdade. Todos pretendiam a aniquilação física e política dos homens que torturavam. Mas não o conseguiram."

"A "frigideira" era um paralelepípedo dividido ao meio, com proporções para conter dois homens. Mas, em caso de grandes castigos, chegavam a meter lá dez. Como respiradouros existia apenas uma fresta em cima e cinco buraquinhos do tamanho da ponta de um dedo na porta de ferros. Aquecendo extraordinariamente durante as horas do calor, a "frigideira" arrefecia bruscamente com a cacimba, à noite. Descalços e apenas com o fato de caqui, os presos suavam abundantemente durante o dia e tremiam de frio durante a noite. A alimentação, nessas alturas de castigo, piorava: em dias alternados os presos comiam pão e água ou um caldo quente onde só raramente bailavam alguns grãos de arroz. Quando os presos saíam, enfraquecidos, da "frigideira" eram atirados para o trabalho mais violento. Entre esses ficou célebre o trabalho a que o fascista Seixas apelidou de "brigada brava", pois excedia em muito a própria violência do trabalho normal. Não era permitido beber água ou urinar senão com autorização dos guardas. A brigada brava" começou com dezenas de presos mas terminou apenas com dois: eu e António Guerra da greve da Marinha Grande, em 18 de Janeiro de 1934. Para mim este trabalho era um choque não só físico como mental, de tal modo que não conseguia dormir durante a noite, obcecado com a ideia de que no outro dia tinha de voltar ao mesmo. Quando, negros e encharcados, regressávamos ao campo, os restantes camaradas, solidários, ajudávam-nos em tudo o que o regulamento permitia: lavavam- nos a roupa, guardavam para nós a melhor comida e animavam-nos moralmente."



Quem foi Joao Faria Borda

Joao Faria Borda, natural de Alcobaça, filho de um campones, nasceu a 18 de Novembro de 1912. Em 1932, então com 20 anos de idade, assentou praça na Armada, onde desenvolveu diversa actividade política. Como dirigente da ORA – Organização dos Revolucionários da Armada – participou, juntamente com outros anti-fascistas, na revolta dos navios de guerra "Bartolomeu Dias", "Afonso de Albuquerque" e "Dão", em Setembro de 1936, naquela que ficou conhecida como "A Revolta dos Marinheiros". Em consequencia dessa participaçao, depois de julgado em tribunal militar especial para crimes de natureza política e porque no tribunal assumiu a responsabilidade pela acção revolucionária praticada, foi condenado a vinte anos de prisão. Esteve uns dias na Penitenciária e foi, de seguida, enviado para o Tarrafal (tinha 23 anos), onde chegou a 29 de Outubro de 1936, com outros presos, entre eles nomes como Bento Gonçalves, secretário do Partido Comunista, Mário Castelhano, anarquista, Alfredo Caldeira, do Comité Central do PCP, e tantos outros. Faria Borda permaneceu dezasseis anos e três meses no campo de concentração. Depois de ter passado ainda mais um ano na cadeia de Peniche foi restituído à liberdade. Tinha então 41 anos de idade! Voltou ainda a ser preso em 1959/60 por actividade cooperativa.

Faleceu no Hospital Militar, em 1988 com 76 anos

(Tive a honra de o conhecer pessoalmente)



- Postado por: rosamar as 17h56
[ ] [ envie esta mensagem ]



A Pascoa

presentinhos de Pascoa que recebi





a TODOS muito obrigada.

 

O cheiro a frésias dilatava-me as narinas. Nos canteiros da Titia, espalhados pelas escadas e pelo corredor ladeado de flores, procurava os primeiros rebentos. Quando encontrava ficava deleitada. Inigualável aquele perfume. Fresco e suave, nostálgico até – jamais terei palavras para o definir.
Era o prenuncio da primavera e a Páscoa estava ali ao virar da esquina.
Primeiro vinha o Domingo de Ramos.
Neste dia levávamos à igreja um ramo com alecrim e oliveira para ser benzido no fim da missa das 10,00H.
Tudo era programado atempadamente.
A casa era limpa a fundo para receber a visita do compasso.
Cortinas, reposteiros, janelas… tudo era passado a pente fino.
As carpetes e tapetes eram lavados no grande tanque e o chão depois de minuciosamente esfregado era encerado. Quando a cera secava puxava-se o lustro. Ficaria lindo. O corredor brilhava logo de manhã quando entrava luz pelo quarto do Dito.
Havia ainda as cerimónias religiosas a que era obrigada a ir.
Nunca lhes achei muita graça, eram deprimentes, isso sim. Contudo, devo referir aqui dois aspectos que sempre me cativavam: as vestes cor de lilás e o cheiro a incenso.
Às 15,00H da Sexta-feira Santa deveríamos todos fazer um minuto de silêncio (às vezes emitia um som, muito baixinho, só para ver se me acontecia algo. Bah, continuava inteirinha, nada de novo acontecia. As minhas tranças continuavam no sitio, os meus joelhos esmurrados e o estúpido som das galinhas a cacarejar entrava pela casa.
Bom, passemos à parte que eu mais gostava: a cozinha. Adorava participar nas tarefas culinárias. A Ró batia as claras, a Lena e eu mexíamos as gemas com o açúcar e até o Dito ajudava na confecção dos cocos. Talvez por ser a mais velha cabia à Ró a tarefa de amassar o preparado para as bolinhas de chocolate. Invejava-a. Aquela tarefa deveria ser minha. Vá-se lá saber porquê mas nunca enjoava doces. (era quase obrigatório fazer-se: bolas de chocolate, quadradinhos de chocolate – feitos com a receita do bolo de noiva – bolo de coco, pudim francês, bolo de prata, bolinhos de coco, pão-de-ló, bolo de mármore, bolo mulato – conhecido entre irmãos pelo bolo leitoso – rolo recheado de geleia e talvez mais algum que não me ocorre agora).
Havia também regueifa da Páscoa, aliás havia sempre variadíssimos pedaços de regueifas da Páscoa, a mãezinha gostava de ter várias “amostras” da mesma. Tinham um sabor muito característico, talvez com um toque de Vinho do Porto.
Uma vez o paizinho e a Lena atreveram-se a fazer regueifa. Estava tão boa, mas tão boa aquela massa. Lindas! Ainda as vejo, por cozer, dispostas na mesa com tampo de mármore que havia na cozinha, já pinceladas de ovo e prontas para irem ao forno. Foi pena não terem desenvolvido. Conforme entraram, conforme saíram. Eram assim tipo umas regueifas anãs. Deu para rir apesar de todos lamentarmos o seu fraco, ou nenhum, crescimento. Porem, devo dizer que nunca comi regueifa tão boa.
A sala de jantar era preparada de véspera para a visita pascal.
A mesa grande era trocada por uma mais pequena para dar espaço à circulação do compasso. A “toalha da Páscoa”, imaculadamente branca, era então colocada.
No centro havia uma floreira em vidro, de cor salmão, com algumas flores e os verdes benzidos no anterior Domingo.
Havia os pratinhos rendilhados onde se colocavam amêndoas. Num deles ficava uma laranja golpeada com o folar para o padre. Noutro um pouco maior aparecia o Vinho do Porto e os cálices. Parte dos bolos eram cortados em fatias e dispostas em pratinhos. Lamentavelmente só podíamos comer os doces, depois do compasso passar.
Devo confessar que na noite Sábado para Domingo eu esgueirava-me até à porta da sala, fechada a sete chaves, e deliciava-me com bolinhas de chocolate. Não sei se alguém reparava, mas ficavam em numero idêntico ao que encontrava à entrada, só que um pouco mais pequenas.
Por fim vinha a excitação da entrada do compasso. A parte mais irritante era eu ter que beijar a cruz. Tentava sempre pôr a boca de lado para não lhe tocar – de relâmpago passavam-me sempre pela frente milhares de bocas sem dentes e de hálito suspeito.
Sobre o compasso, recordo ainda o som da sineta a aproximar-se (claro que às vezes era o simples sino que havia lá em casa e que alguém se lembrava de enganar a mãezinha, que toda aflita se aprontava de imediato a dizer: Eduardo, olha os verdes!!!! Espalha os verdes à porta!!!)

Para os meus pais e para os meus irmãos,
Com carinho
a.



- Postado por: rosamar as 22h14
[ ] [ envie esta mensagem ]





"SLOT-MACHINES" espalhadas pelas ruas de Espinho

Mais uma vez fiquei admirada (ou desiludida) ao ler hoje o JN, no que se refere à minha cidade.
Entao nao é que segundo o Sr. José Mota, o estacionamento a pagar é até à Rua 26 e à minha porta (Rua 28) eu tenho lá os "caça-niqueis"?
Entao nao é que segundo o Sr. José Mota, foram distribuidos 500 cartoes a residentes que têm "estacionamento gratuito"? Como é que se esqueceram de deixar um cartaozinho em minha casa? Sim, porque o que eu recebi foi uma carta a informar que se quizesse ter direito a estacionar 1 (UM) carro teria que pagar 15 € por ano, mas o estacionamento nao é garantido, é sujeito a disponibilidade, o que quer dizer que os Espinhenses terao que ir estacionar a Silvalde, ou quem sabe, mais longe, talvez a Castelo de Paiva...
Eu até nem estaria contra os "caça-niqueis" se os tais parques de estacionamento estivessem já a funcionar, mas a obra ainda nem começou, está à espera que as pessoinhas cá do Burgo os paguem bem pagos, e de que maneira os vao pagar! No Porto é mais barato, pelo valor que aqui pagaremos 1 hora ha dias estacionei 2 horas, mas isso é no Porto, nao queiramos comparar as duas cidades, Espinho é muito mais importante! Com estas medidas (e outras) Espinho está a ficar D E S E R T O.

Rosamar (Publicado no Jornal "A Defesa de Espinho" de 27-03-2009)



- Postado por: rosamar as 15h57
[ ] [ envie esta mensagem ]




Dia da Mulher





- Postado por: rosamar as 21h38
[ ] [ envie esta mensagem ]




 



 



- Postado por: rosamar as 19h18
[ ] [ envie esta mensagem ]




Tive hoje uma agradavel surpresa, oferecida pelas amigas
Sandra e Betty,que me convidaram a passar uns dias no
"Ca Entre Nos", sentada no Sofa Azul.
obrigada amigas pelo carinho
(nao se esqueçam do meu pedido...rsrsrsrs)

lembrancinha para voces:




mimo para os meus amigos



surpresa este lindo este cantinho!

 

 



- Postado por: rosamar as 23h29
[ ] [ envie esta mensagem ]



presentinhos Novo Ano 2009



Receita para um Ano Feliz:

Tome 12 meses completos.

Limpe-os cuidadosamente de toda a amargura, odio e inveja.

Corte cada mes em 28, 30, ou 31 pedaços diferentes, mas nao cozinhe
todos ao mesmo tempo.

Prepare um dia de cada vez com os seguintes ingredientes:

- Uma parte de fé;
- Uma parte de paciencia
- Uma parte de coragem
- Uma parte de trabalho

Junte a cada dia uma parte de esperança, de felicidade e amabilidade.

Misture bem, com uma parte de oração, uma parte de meditação e uma
parte de entrega.

Tempere com uma dose de bom espirito, uma pitada de alegria e
um pouco de acçao, e uma boa medida de humor.

Coloque tudo num recipiente de amor.
Cozinhe bem, ao fogo de uma alegria radiante.

Guarneça com um sorriso e sirva sem reserva.

Feliz 2009!!!

 



- Postado por: rosamar as 21h41
[ ] [ envie esta mensagem ]



23 de Novembro de 1908 - 2008

inauguraçao do "Vouguinha" - centenario




...andar num dos comboios mais castiços de Portugal, onde o guarda-freios abre e fecha as cancelas das passagens de nível...



...o vouguinha é um autêntico comboio de montanha suíço, mesmo sem cremalheira...



11 h do dia 11 de Novembro de 1918

Comemoram-se hoje 90 anos da assinatura do Tratado do Armisticio que colocou termo à I Guerra Mundial

 

 


cantinho da Neuci

 



- Postado por: rosamar as 19h57
[ ] [ envie esta mensagem ]



presentinhos de Halloween 2008 que recebi

e lembrancinha para voces:



 



- Postado por: rosamar as 02h39
[ ] [ envie esta mensagem ]




CARTA ABERTA AO SR. JOSÉ MOTA, PRESIDENTE DA CAMARA MUNICIPAL DA CIDADE DE ESPINHO
Apenas queria fazer uma perguntinha ao (ex-nosso, pois já nao o considero meu) Presidente da Camara, Sr. Jose Mota:
Qual o motivo porque a conceituada "BANDA DE MUSICA DA CIDADE DE ESPINHO" não lhe merece a consideraçao que deveria?
É que me custa a aceitar, como espinhense que sou e de que muito me orgulho, que no Sabado passado, o Sr. nao a tenha acompanhado da Camara Municipal até à Capela de Nossa Senhora da Ajuda (ou de Santa Maria Maior) como o fez no Domingo à "Banda de Melres".

É que até houve gente a pensar que aquela era a Banda da Cidade!

Aliás esta "Banda de Melres" parece que tem lugar cativo nas nossa festas (desconheço o motivo...) e, que eu saiba nao é usual a BANDA DE MUSICA DA CIDADE DE ESPINHO frequentar com a mesma - ou antes, nenhuma! - assiduidade as festas de Melres.

 
Nos concertos que a BANDA DE MUSICA DA CIDADE DE ESPINHO dá, é rarissimo o Sr. estar presente, contam-se pelos dedos de uma mão as vezes que lá vai.
 
É INADMISSIVEL e INACREDITAVEL que a BANDA DE MUSICA DA CIDADE DE ESPINHO, tenha que fazer  os seus ensaios em S.Felix da Marinha ou seja VILA NOVA DE GAIA! Ou antes é VERGONHOSO!

Isto é, não só a minha opinião, como certamente a de TODOS os Verdadeiros Espinhenses, e tambem de uns familiares brasileiros que estiveram cá de férias e nem queriam acreditar nesta barbaridade, porque o conhecem bem, de cá e das suas inumeras viagens ao Brasil!

 
Por isso responda-me por favor Sr. José Mota, Qual o motivo porque a conceituada "BANDA DE MUSICA DA CIDADE DE ESPINHO" não lhe merece a consideraçao que deveria?

Rosamar
(in "Defesa de Espinho" de 18/09/2008)



decisao do TRIBUNAL DO MOCHO:

Reunido o tribunal para apreciação dos factos agora descritos e fazendo fé nas declarações das testemunhas decidiu:
a) O réu é pessoa responsável pela autarquia de Espinho;
b) O réu com esta sua atitude confundiu a população;
c) A sua conduta, não se enquadra na de um responsável autárquico, responsável e coerente;
d) A Banda de Música de Espinho, é uma Instituição, quase bi-centenária fruto de muito trabalho e dedicação de algumas gerações;
e) A Banda de Espinho é uma Instituição que forma músicos enriquecendo a cultura do nosso Povo e por conseguinte a do País;
f) A Banda de Música de Espinho, leva o nome da cidade aos quatro cantos do país e do estrangeiro;
g) É pois a Banda de Música de Espinho merecedora de todo o respeito, de uma cidade e da sua população.
Com esta sua atitude o Réu procedeu à discriminação da Banda de Música de Espinho, já que acompanhou outra e nao a da cidade que representa.
DECISÃO: Vai condenado!



Ana Oliveira - Espinho-Portugal

Lamento que não lhe mereça a devida consideração. Não sei é porque nos eventos da terra o Sr. Mota seja sempre referido como um grande apoiante da banda. Pois eu como cidadã de Espinho e natural da mesma cidade digo-lhe:
"Eu tinha vergonha de aceitar louros que não fossem meus"
* * * * * *
Sougus - Espinho-Portugal

O homem, que afirma ter feito mais nos seus mandatos do que todos os seus antecessores, esquece que a humildade não fica mal a ninguém. Nessa sua afirmação, e na forma arrogante como trata a oposição, indicia uma pessoa como diz o nosso Povo que "não é de bons fígados".
A banda não dá votos. Se fosse para os lados sul de Espinho talvez houvesse uns milhares de visitas e sardinhadas. É que nessa zona os votos falam mais alto.
A BANDA tem de promover um almoço na feira do peixe (lugar publico e onde muita gente irá ver, quanto mais não seja por curiosidade), dar o devido destaque nos "media" locais, e convidar o Dr(?) Mota. De certeza que ele lá estará.
Estranha essa sua atitude? Não.
* * * * * *
Fabio - Rio de Janeiro, Brasil

... Mas realmente esse fato que você relatou aí da banda, é uma tremenda falta de consideração e desrespeito até à cultura local.
Bom, aqui no Brasil é tempo de eleições municipais, por isso é importante escolher muito bem que serão os nossos representantes...

* * * * * *
MARY e JAIRO - Brasil
... Música é Cultura e um País precisa manter sua Cultura!...








A Banda de Música da Cidade de Espinho foi fundada em 1839 no Lugar da Vergada pelo Sr. Joaquim Alves de Sousa Neves, sendo inicialmente apelidada de Banda do Soqueiro, banda que adquiriu grande sucesso, destacando-se a presença na visita real a Espinho aquando da viagem inaugural do comboio da linha do Vouga.
Em Novembro de 1926 e depois de grande actividade ao longo de quase um século a banda associa-se aos Bombeiros Voluntários de Espinho, alterando a sua denominação para Banda de Música dos Bombeiros Voluntários de Espinho até 1994.
Desde esta data apresenta-se como Banda de Música da Cidade de Espinho.
Pela direcção artística passaram nomes como Joaquim Teixeira, António Martins, Manuel Gomes, António Gomes, Major Gonçalves, João da Costa Baltazar, Daniel Farrapa, Boaventura Moreira, Manuel Pleno, Fernando Baptista, Rodolfo Campos e Jaime Rêgo. Actualmente assume os desígnios da Banda o maestro Helder Tavares.
Rua 16, nº13
4500 ESPINHO
Tel.:919033441 / 966909168 / Fax: 227348267
Email -
banda-de-espinho@sapo.pt



A Ponte de D. Maria Pia, construida entre Janeiro de 1876 e 4 de Novembro de 1877, pela empresa de Gustave Eiffel, foi a primeira ponte ferroviária a unir as duas margens do rio Douro. Estiveram em permanência 150 operários a trabalhar e utilizaram-se 1.600.000 quilos de ferro. Tendo em consideração as dimensões da largura do rio e das escarpas envolventes,foi o maior vão construido até essa data, aplicando-se métodos revolucionários para a época. A construção da ponte em tempo recorde, aliada à dificuldade da transposição do enorme vão, concedeu a Eiffel a fama que procurava desde 1866, altura em que fundou a sua empresa. G. Eiffel et C.ie com o Eng. Téophile Seyrig. Eiffel, para acompanhar os trabalhos de construção da ponte, instalou-se em Barcelos entre 1875 e 1877. A Ponte de D. Maria Pia teve utilização,durante mais de 100 anos, ao serviço do caminho-de-ferro. A inauguração solene deu-se a 4 de Novembro de 1877, e teve a presença da Banda de Música da Cidade de Espinho, e dos reis D. Luis I e de D. Maria Pia de quem tomou o seu nome.



- Postado por: rosamar as 14h12
[ ] [ envie esta mensagem ]



2set2008

Estao convidados para o meu aniversario
no Clube da Melhoridade



ou aqui nesta salinha:



 

tempo perdido


que nunca seja tarde
para recuperar

tempo perdido
em vazio
tempo ido

anos ausentes

saudades
cravadas no vazio

que nunca seja tarde
para receberes
o tempo

que nao dei
nem abracei

2 set 2008

a.



- Postado por: rosamar as 01h57
[ ] [ envie esta mensagem ]



08/08/2008

21 Agosto 2008

Nelson Evora - Triplo Salto - Medalha de Ouro

17,31m - 17,56m - 17,67m



18 Agosto 2008

Vanessa Fernandes - Triatlo - Medalha de Prata



08082008080808



- Postado por: rosamar as 19h48
[ ] [ envie esta mensagem ]



A VERDADE DA MENTIRA

Maddie morreu no quarto e houve simulação de rapto

Na véspera do lançamento do livro "Maddie - A Verdade da Mentira", o JN antecipa algumas revelações do autor, Gonçalo Amaral. O ex-inspector da Polícia Judiciária inicialmente responsável pela investigação, acredita que a menina inglesa morreu no quarto e que os pais não estão isentos de culpa.



“Madeleine McCann morreu no apartamento 5ª do Ocean Club, na Vila da Luz, a 3 de Maio de 2007”, escreve Gonçalo Amaral, segundo os resultados obtidos pela equipa de investigação do caso até Outubro de 2007.

“Ocorreu uma simulação de rapto” e os pais, Kate e Gerry, “são suspeitos de envolvimento na ocultação do cadáver da sua filha”, acrescenta o ex-inspector da PJ.

O autor salienta que “a morte poderá ter sobrevindo em resultado de um trágico acidente” e que foram detectados “indícios de negligência na guarda e segurança dos filhos”.

Um facto é que “há um cadáver não localizado, constatação validada pelos cães ingleses (…) e corroborado pelos resultados laboratoriais preliminares”.

Nas suas conclusões, Gonçalo Amaral salienta ainda que “a tese de rapto é defendida desde a primeira hora pelos pais de Maddie” e que no seio do grupo de amigos que passava férias no Ocean Club apenas Kate e Gerry disseram que a janela do quarto da menina estava aberta.

“O conjunto de depoimentos e testemunhos evidenciam um elevado número de imprecisões, incongruências e contradições (..), em particular, o depoimento-chave para a tese do rapto, o de Jane Tanner (…) tornando-se ambíguo e desqualificando-se”. Foi esta cidadã inglesa que disse ter visto um homem com uma menina ao colo na noite de 3 de Maio de 2007.

"Contribuir para a descoberta da verdade material"

“Este livro surge da necessidade que senti de repor o meu bom nome que foi enxovalhado na praça pública sem que a instituição a que pertencia há 26 anos, a Polícia Judiciária, tenha permitido que me defendesse ou que o fizesse institucionalmente. (…) Mais tarde fui afastado da investigação”, começa por explicar Gonçalo Amaral.

“Este livro tem ainda um propósito maior. O de contribuir para a descoberta da verdade material e a realização da justiça”, refere, salientando que o conteúdo “em nenhuma circunstância põe em causa o trabalho” dos colegas da PJ “nem compromete a investigação em curso”.

Na nota inicial, Gonçalo Amaral indica que “o leitor encontrará dados que desconhece, interpretações dos factos e, naturalmente, interrogações pertinentes”, frisando que uma investigação criminal “não se deve preocupar com o politicamente correcto”.

"Casal tratado com pinças"

A capa do livro, publicado pela editora Guerra e Paz, assemelha-se a uma capa processual, com a inscrição “Confidencial” a vermelho e a simulação de uma foto tipo-passe de Maddie presa com um clip.

As primeiras linhas não se situam a 3 de Maio de 2007, quando teve início o “caso Maddie”, mas em Fevereiro de 2008, data da publicação de uma entrevista na qual o então director nacional da PJ considera que houve precipitação na constituição do casal inglês como arguido. O autor confessa que teve o “pressentimento” de que a declaração pretendia “preparar a opinião pública para o inevitável, ou seja, o fim da investigação e o arquivamento do inquérito”.

Gonçalo Amaral diz que houve “campanhas de desinformação que visaram descredibilizar a investigação criminal”. “Para mim a investigação estava morta desde 2 de Outubro de 2007”, quando foi afastado da PJ e se fizeram “diligências para cumprir calendário, um pouco para inglês ver.”

O autor questiona a relação entre o casal McCann e a polícia inglesa, após a constituição como arguidos. “Causou-nos sempre estranheza a forma como o casal era tratado (…) e a informação policial a que eventualmente acederam”.

O erro foi termos tratado o casal "com pinças", lê-se, pelo facto de Kate e Gerry só terem sido constituídos arguidos quatro meses após o início da investigação.

Logo na manhã de 4 de Maio, antes de receberem informação pedida à polícia inglesa sobre os McCann, os investigadores receberam a visita do embaixador inglês. “Não é normal esta preocupação da diplomacia inglesa. Quem é este casal? Quem são os amigos?”, questiona o autor. Também “não é normal que comuns cidadãos a quem uma filha acabou de desaparecer nomeiem assessores de imprensa”, perante o mediatismo que o caso começava a ganhar.

Estranha descontracção de Gerry

Ao longo das 214 páginas, Gonçalo Amaral lembra questões que ficaram sem resposta - os berços dos gémeos estavam sem lençóis na noite do desaparecimento de Maddie, foram apagados registos de chamadas de telemóvel entre Kate e Gerry, os registos médicos de Maddie pedidos a Inglaterra que não foram atendidos, etc. - e algumas diligências que não avançaram para que o casal não fosse exposto perante o julgamento da opinião pública - como a reconstituição dos factos da noite de 3 de Maio e o pedido de escutas telefónicas.

Em Maio, "sentimos que Kate estaria na disposição de, sem se comprometer, indicar o local onde o corpo da sua filha estava" e, "segundo a própria viria a afirmar, tais dados tinham-lhe sido fornecidos por pessoas com poderes psíquicos ou paranormais". Referiu então um colector de esgotos que desemboca na praia da Luz e os penhascos a nascente daquela praia. Cães ingleses detectaram, em Julho, odor a cadáver e vestígios de sangue no apartamento e no veículo alugado pelo casal.

Mencionando os diversos avistamentos da menina em inglesa que foram chegando de diferentes países e se revelaram infundados, Gonçalo Amaral conta um episódio, datado de Junho de 2007.

Um homem na Holanda exigiu um resgate de dois milhões de euros, com um adiantamento de 500 mil euros. Os contactos entre Gerry e o homem decorreram através de email numa sala da PJ de Portimão. Quando se aguardava a indicação das condições e local da entrega do dinheiro "a tensão na sala era grande".

"Ao contrário, a postura descontraída" de Gerry "constratava com a ansiedade dos polícias e deixava intrigados todos os investigadores". O pai de Maddie "chupava descontraidamente um chupa-chupa enquanto lia banalidades em sites da Internet e discutia rugby e futebol com um dos polícias ingleses", revela o autor. Mais tarde o indivíduo foi detido e a pista revelou-se falsa.

(O livro "Maddie - A Verdade da Mentira" foi oficialmente apresentado, quinta-feira 24 de julho de 2008, às 18:30)



- Postado por: rosamar as 18h58
[ ] [ envie esta mensagem ]



dia dos avós


26 de julho - DIA DOS AVÓS

Com alegria celebramos hoje a Memória dos pais de Nossa Senhora: São Joaquim e Sant'Ana.
Na Tradição é que encontramos a linda história em que eram judeus fiéis a Deus, porém estéreis para terem filhos, até que por intervenção Divina alcançaram a graça e tiveram Maria.
De facto, a menina Maria foi levada mais tarde pelos pais Joaquim e Ana para o Templo, onde foi educada, ficando aí até ao tempo do noivado com São José.
A data do nascimento e morte de ambos não possuímos, mas sabemos que vivem no coração da Igreja e nesta são cultuados desde o século VI.

A Avó, vista por uma menina de 8 anos

"Uma Avó é uma mulher que não tem filhos, por isso gosta dos filhos dos outros. As Avós não têm nada para fazer, é só estarem ali. Quando nos levam a passear, andam devagar e não pisam as flores bonitas nem as lagartas. Nunca dizem "Despacha-te!". Normalmente são gordas, mas mesmo assim conseguem apertar-nos os sapatos. Sabem sempre que a gente quer mais uma fatia de bolo ou uma fatia maior. As Avós usam óculos e às vezes até conseguem tirar os dentes. Quando nos contam histórias, nunca saltam bocados e nunca se importam de contar a mesma história várias vezes. As Avós são as únicas pessoas grandes que têm sempre tempo. Não são tão fracas como dizem, apesar de morreram mais vezes do que nós. Toda a gente deve fazer o possível por ter uma Avó, principalmente se não tiver televisão."

 


- Postado por: rosamar as 00h29
[ ] [ envie esta mensagem ]



20 de julho - Dia do amigo
O dia do amigo foi adoptado em Buenos Aires, Argentina, com o Decreto nº 235/79, sendo que foi gradualmente adoptado em outras partes do mundo. Foi criada pelo argentino Enrique Ernesto Febbraro. Ele se inspirou na chegada do homem à lua, em 20 de julho de 1969, considerando a conquista não somente uma vitória científica, como também uma oportunidade de se fazer amigos em outras partes do universo. Assim, durante um ano, o argentino divulgou o lema "meu amigo é meu mestre, meu discípulo e meu companheiro".
Aos poucos a data foi sendo adoptada em outros países e hoje, em quase todo o mundo, o dia 20 de julho é o Dia do Amigo , é quando as pessoas trocam presentes, se abraçam e declaram sua amizade umas as outras, na teoria.
(Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.)




recebi da Libby (magia gifs)


 



- Postado por: rosamar as 20h38
[ ] [ envie esta mensagem ]



13 junho 2008 - 29 junho 2008
Isso é lá com Sto Antonio

Eu pedi numa oração
Ao querido São João
Que me desse um matrimonio
São João disse que não!
São João disse que não!
Isto é lá com Santo Antonio!
Eu pedi numa oração
Ao querido São João
Que me desse um matrimonio
Matrimonio! Matrimonio!
Isto é lá com Santo Antonio!

Implorei a São João
Desse ao menos um cartão
Que eu levava a Santo Antonio
São João ficou zangado
São João só dá cartão
Com direito a batizado
Implorei a São João
Desse ao menos um cartão
Que eu levava a Santo Antonio
Matrimonio! Matrimonio!
Isso é lá com Santo Antonio!

São João não me atendendo
A São Pedro fui correndo
Nos portões do paraíso
Disse o velho num sorriso:
Minha gente, eu sou chaveiro!
Nunca fui casamenteiro!
São João não me atendendo
A São Pedro fui correndo
Nos portões do paraíso
Matrimonio! Matrimonio!
Isso é lá com Santo Antonio.



19 junho 2008





Sou alergica aos "bichos da madeira"... fazem-me comichao.
Mais um nos deixou ficar mal... melhor jogador do Mundo? só de for de "caricas"!
até hoje o melhor jogador foi o Eusebio que meteu 3 golos estando nós a perder por 2-0 e fez virar o resultado para 3-2 a nosso favor.
nesse tempo nao havia tantas mariquices, tantos diamantes,tanto "chiqueiro"!
HAVIA HUMILDADE E TRABALHO
paciência! havemos de superar isto
.









- Postado por: rosamar as 00h34
[ ] [ envie esta mensagem ]




A golpada da GALP

"Galp "nada pode fazer" para baixar os preços" segundo disse ontem em conferência de imprensa o génio da gestão e presidente da GALP, Ferreira de Oliveira. Ao mesmo tempo, e na mesma conferência de imprensa anunciou:
"Galp lucra 1,2 milhões por dia"

Cada um que tire as suas conclusões.

É SÓ GOLPES!


 






Dia 14 de Maio 2008 - 14 de Maio de 1958

"O meu coração ficará no Porto" - Humberto Delgado



o «General sem Medo», evoluiu de uma participação nas estruturas do Estado Novo para uma defesa do ideal democrático, simultaneamente liberal e anti-comunista. Nas eleições presidenciais de 1958 corporizou um movimento que abalou como nenhum outro a ditadura salazarista e que marcou um ponto de viragem na solidez repressiva do regime. No Porto, no mesmo dia em que faz 52 anos, Humberto Delgado é recebido por cerca de 200 mil pessoas que o acompanham até à sede de candidatura na Praça Carlos Alberto.



presentinhos do dia da mae que recebi



Mãe é tudo igual!

Mãe é coisa complicada
pra qualquer um compreender.
Tem que ter mente ligada
quem a quiser entender.

Por entre a raiva e o amor,
essa mulher se garante:
paciência de pescador
e memória de elefante.

É bicho mal humorado,
que dali a pouco está rindo.
Fala do corpo cansado,
mas quase nunca dormindo.

E quando o filho adoece?
Pra ela tudo é terror:
logo da briga se esquece,
e põe-se a falar de amor.

Quando vê o filho curado,
já perde todo o receio,
e mete a mão no coitado,
que vive de "saku" cheio.

E assim, pela eternidade,
Sendo ela boa ou "malvada",
Permanece esta verdade:

QUEM NÃO TEM MÃE
NÃO TEM NADA!


(Silvia Schmidt)



- Postado por: rosamar as 00h20
[ ] [ envie esta mensagem ]




NO DIA 1 DE MAIO DE 1974 VIVI O 1º DE MAIO EM LIBERDADE PELA PRIMEIRA VEZ

Estou crente que a maioria dos Portugueses vai aproveitar este grande dia 1 de Maio, para denunciarem as condições que se estão a degradar nas suas vidas profissionais.

Se fizermos um apelo á nossa memória e lermos a história de vários acontecimentos, verificamos com honestidade intelectual que tudo teve uma origem, no celebre País da antidemocracia - U.S.A. .

Em 1886 nas ruas de chicago começou a grande luta dos trabalhadores, que mais não pediam que o seu trabalho passasse a ter oito horas diárias, foi aí que os trabalhadores numa tomada de posição fizeram uma greve geral no referido País.

Tem sido nestas tomadas de posição que os trabalhadores explorados, têm conseguido sem qualquer cor política como hoje querem dizer uma situação mais humanista, muito embora, por conveniência do empresariado no País já referido este dia - o Labor Day - seja lembrado na primeira segunda feira do mês de Setembro, na Austrália em 4 de Março, etc.

Até que em 1889, num congresso realizado em França foi criado o 1º DE MAIO  como o DIA MUNDIAL DO TRABALHO.

Assim queridos amigos, tem sido a luta dos trabalhadores.

Neste País de ABRIL, se vos fizesse o historial do 1º de MAIO DE 1974, muitas lágrimas corriam pelas vossas faces, recordando a SOLIDARIEDADE, UNIÃO e ESPERANÇA que tivemos num PAÍS que acabava de adquirir a LIBERDADE.

Quando penso e vejo que a luta de hoje, é a defesa do emprego, verifico que além de ser um dia de luta é também um dia de LUTO.

Mas estão enganados todos aqueles que pensam que nos desmotivarão a lutar por DIGNIDADE no local de trabalho, por LIBERDADE e por um PAÍS que não mais queremos de opressores mas sim de um 25 de ABRIL, SEMPRE.

 

Um abraço de SOLIDARIEDADE,

VIVA O DIA DO TRABALHADOR,

VIVA A LIBERDADE.



presentinhos do dia 1 de maio





















obrigada a todas


- Postado por: rosamar as 00h05
[ ] [ envie esta mensagem ]



25 ABRIL 1974-25 ABRIL 2008

HAJA MEMÓRIA


1931

O estudante Branco é morto pela PSP, durante uma manifestação no Porto;

1932

Armando Ramos, jovem, é morto em consequência de espancamentos; Aurélio Dias, fragateiro, é morto após 30 dias de tortura; Alfredo Ruas, é assassinado a tiro durante uma manifestação em Lisboa;

1934, 18 de Janeiro

Américo Gomes, operário, morre em Peniche após dois meses de tortura; Manuel Vieira Tomé, sindicalista ferroviário morre durante a tortura em consequência da repressão da greve; Júlio Pinto, operário vidreiro, morto à pancada; a PSP mata um operário conserveiro durante a repressão de uma greve em Setúbal;

1935

Ferreira de Abreu, dirigente da organização juvenil do PCP, morre no hospital após ter sido espancado na sede da PIDE (então PVDE);

1936

Francisco Cruz, operário da Marinha Grande, morre na Fortaleza de Angra do Heroísmo, vítima de maus tratos, é deportado do 18 de Janeiro de 1934; Manuel Pestana Garcez, trabalhador, é morto durante a tortura;

1937

Ernesto Faustino, operário; José Lopes, operário anarquista, morre durante a tortura, sendo um dos presos da onda de repressão que se seguiu ao atentado a Salazar; Manuel Salgueiro Valente, tenente-coronel, morre em condições suspeitas no forte de Caxias; Augusto Costa, operário da Marinha Grande, Rafael Tobias Pinto da Silva, de Lisboa, Francisco Domingues Quintas, de Gaia, Francisco Manuel Pereira, marinheiro de Lisboa, Pedro Matos Filipe, de Almada e Cândido Alves Barja, marinheiro, de Castro Verde, morrem no espaço de quatro dias no Tarrafal, vítimas das febres e dos maus tratos; Augusto Almeida Martins, operário, é assassinado na sede da PIDE (PVDE) durante a tortura ; Abílio Augusto Belchior, operário do Porto, morre no Tarrafal, vítima das febres e dos maus tratos;

1938

António Mano Fernandes, estudante de Coimbra, morre no Forte de Peniche, por lhe ter sido recusada assistência médica, sofria de doença cardíaca; Rui Ricardo da Silva, operário do Arsenal, morre no Aljube, devido a tuberculose contraída em consequência de espancamento perpetrado por seis agentes da Pide durante oito horas; Arnaldo Simões Januário, dirigente anarco-sindicalista, morre no campo do Tarrafal, vítima de maus tratos; Francisco Esteves, operário torneiro de Lisboa, morre na tortura na sede da PIDE; Alfredo Caldeira, pintor, dirigente do PCP, morre no Tarrafal após lenta agonia sem assistência médica;

1939

Fernando Alcobia, morre no Tarrafal, vítima de doença e de maus tratos;

1940

Jaime Fonseca de Sousa, morre no Tarrafal, vítima de maus tratos; Albino Coelho, morre também no Tarrafal; Mário Castelhano, dirigente anarco-sindicalista, morre sem assistência médica no Tarrafal;

1941

Jacinto Faria Vilaça, Casimiro Ferreira; Albino de Carvalho; António Guedes Oliveira e Silva; Ernesto José Ribeiro, operário, e José Lopes Dinis morrem no Tarrafal;

1942

Henrique Domingues Fernandes morre no Tarrafal; Carlos Ferreira Soares, médico, é assassinado no seu consultório com rajadas de metralhadora, os agentes assassinos alegam legítima defesa (?!); Bento António Gonçalves, secretário-geral do PCP, morre no Tarrafal; Damásio Martins Pereira, fragateiro, morre no Tarrafal; Fernando Óscar Gaspar, morre tuberculoso no regresso da deportação; António de Jesus Branco morre no Tarrafal;

1943

Rosa Morgado, camponesa do Ameal (Águeda), e os seus filhos, António, Júlio e Constantina, são mortos a tiro pela GNR; Paulo José Dias morre tuberculoso no Tarrafal; Joaquim Montes morre no Tarrafal com febre biliosa; José Manuel Alves dos Reis morre no Tarrafal; Américo Lourenço Nunes, operário, morre em consequência de espancamento perpetrado durante a repressão da greve de Agosto na região de Lisboa; Francisco do Nascimento Gomes, do Porto, morre no Tarrafal; Francisco dos Reis Gomes, operário da Carris do Porto, é morto durante a tortura;

1944

General José Garcia Godinho morre no Forte da Trafaria, por lhe ser recusado internamento hospitalar; Francisco Ferreira Marques, de Lisboa, militante do PCP, em consequência de espancamento e após mês e meio de incomunicabilidade; Edmundo Gonçalves morre tuberculoso no Tarrafal; assassinados a tiro de metralhadora uma mulher e uma criança, durante a repressão da GNR sobre os camponeses rendeiros da herdade da Goucha (Benavente), mais 40 camponeses são feridos a tiro;

1945

Manuel Augusto da Costa morre no Tarrafal; Germano Vidigal, operário, assassinado com esmagamento dos testículos, depois de três dias de tortura no posto da GNR de Montemor-o-Novo; Alfredo Dinis (Alex), operário e dirigente do PCP, é assassinado a tiro na estrada de Bucelas; José António Companheiro, operário, de Borba, morre de tuberculose em consequência dos maus tratos na prisão;

1946

Manuel Simões Júnior, operário corticeiro, morre de tuberculose após doze anos de prisão e de deportação; Joaquim Correia, operário litógrafo do Porto, é morto por espancamento após quinze meses de prisão;

1947

José Patuleia, assalariado rural de Vila Viçosa, morre durante a tortura na sede da PIDE;

1948

António Lopes de Almeida, operário da Marinha Grande, é morto durante a tortura; Artur de Oliveira morre no Tarrafal; Joaquim Marreiros, marinheiro da Armada, morre no Tarrafal após doze anos de deportação; António Guerra, operário da Marinha Grande, preso desde 18 de Janeiro de 1934, morre quase cego e após doença prolongada;

1950

Militão Bessa Ribeiro, operário e dirigente do PCP, morre na Penitenciária de Lisboa, durante uma greve de fome e após nove meses de incomunicabilidade; José Moreira, operário, assassinado na tortura na sede da PIDE, dois dias após a prisão, o corpo é lançado por uma janela do quarto andar para simular suicídio; Venceslau Ferreira morre em Lisboa após tortura; Alfredo Dias Lima, assalariado rural, é assassinado a tiro pela GNR durante uma manifestação em Alpiarça;

1951

Gervásio da Costa, operário de Fafe, morre vítima de maus tratos na p risão;

1954

Catarina Eufémia, assalariada rural, assassinada a tiro em Baleizão, durante uma greve, grávida e com uma filha nos braços;

1957

Joaquim Lemos Oliveira, barbeiro de Fafe, morre na sede da PIDE no Porto após quinze dias de tortura; Manuel da Silva Júnior, de Viana do Castelo, é morto durante a tortura na sede da PIDE no Porto, sendo o corpo, irreconhecível, enterrado às escondidas num cemitério do Porto; José Centeio, assalariado rural de Alpiarça, é assassinado pela PIDE;

1958

José Adelino dos Santos, assalariado rural, é assassinado a tiro pela GNR, durante uma manifestação em Montemor-o-Novo, vários outros trabalhadores são feridos a tiro; Raul Alves, operário da Póvoa de Santa Iria, após quinze dias de tortura, é lançado por uma janela do quarto andar da sede da PIDE, à sua morte assiste a esposa do embaixador do Brasil;

1961

Cândido Martins Capilé, operário corticeiro, é assassinado a tiro pela GNR durante uma manifestação em Almada; José Dias Coelho, escultor e militante do PCP, é assassinado à queima-roupa numa rua de Lisboa;

1962

António Graciano Adângio e Francisco Madeira, mineiros em Aljustrel, são assassinados a tiro pela GNR; Estêvão Giro, operário de Alcochete, é assassinado a tiro pela PSP durante a manifestação do 1º de Maio em Lisboa;

1963

Agostinho Fineza, operário tipógrafo do Funchal, é assassinado pela PSP, sob a indicação da PIDE, durante uma manifestação em Lisboa;

1964

Francisco Brito, desertor da guerra colonial, é assassinado em Loulé pela GNR; David Almeida Reis, trabalhador, é assassinado por agentes da PIDE durante uma manifestação em Lisboa;

1965

General Humberto Delgado e a sua secretária, Arajaryr Campos, são assassinados a tiro em Vila Nueva del Fresno (Espanha), os assassinos são o inspector da PIDE Rosa Casaco, o subinspector Agostinho Tienza e o agente Casimiro Monteiro;

1967

Manuel Agostinho Góis, trabalhador agrícola de Cuba, morre vítima de tortura na PIDE;

1968

Luís António Firmino, trabalhador de Montemor, morre em Caxias, vítima de maus tratos; Herculano Augusto, trabalhador rural, é morto à pancada no posto da PSP de Lamego por condenar publicamente a guerra colonial; Daniel Teixeira, estudante, morre no Forte de Caxias, em situação de incomunicabilidade, depois de agonizar durante uma noite sem assistência;

1969

Eduardo Mondlane, dirigente da Frelimo, é assassinado através de um atentado organizado pela PIDE;

1972

José António Leitão Ribeiro Santos, estudante de Direito em Lisboa e militante do MRPP, é assassinado a tiro durante uma reunião de apoio à luta do povo vietnamita e contra a repressão, o seu assassino, o agente da PIDE Coelha da Rocha, viria a escapar-se na "fuga-libertação" de Alcoentre, em Junho de 1975;

1973

Amílcar Cabral, dirigente da luta de libertação da Guiné e Cabo Verde, é assassinado por um bando mercenário a soldo da PIDE, chefiado por Alpoim Galvão;

1974, 25 de Abril

Fernando Carvalho Gesteira, de Montalegre, José James Barneto, de Vendas Novas, Fernando Barreiros dos Reis, soldado de Lisboa, e José Guilherme Rego Arruda, estudante dos Açores, são assassinados a tiro pelos pides acoitados na sua sede na Rua António Maria Cardoso, são ainda feridas duas dezenas de pessoas.

A PIDE acaba como começou, assassinando. Aqui não ficam contabilizadas as i númeras vítimas anónimas da PIDE, GNR e PSP em outros locais de repressão.

Mais ainda

Podemos referir, duas centenas de homens, mulheres e crianças massacradas a tiro de canhão durante o bombardeamento da cidade do Porto, ordenada pelo coronel Passos e Sousa, na repressão da revolta de 3 de Fevereiro de 1927. Dezenas de mortos na repressão da revolta de 7 de Fevereiro de 1927 em Lisboa, vários deles assassinados por um pelotão de fuzilamento, à ordens do capitão Jorge Botelho Moniz, no Jardim Zoológico.

Dezenas de mortos na repressão da revolta da Madeira, em Abril de 1931, ou outras tantas dezenas na repressão da revolta de 26 de Agosto de 1931.

Um número indeterminado de mortos na deportação na Guiné, Timor, Angra e no Cunene.

Um número indeterminado de mortos devido à intervenção da força fascista dos "Viriatos" na guerra civil de Espanha e a entrega de fugitivos aos pelotões de fuzilamento franquistas.

Dezenas de mortos em São Tomé, na repressão ordenada pelo governador Carlos Gorgulho sobre os trabalhadores que recusaram o trabalho forçado, em Fevereiro de 1953.

Muitos milhares de mortos durante as guerras coloniais, vítimas do Exército, da PIDE, da OPVDC.

(Elementos recolhidos na CRÓNICA DO AUDIO VISUAL)



- Postado por: rosamar as 01h04
[ ] [ envie esta mensagem ]





- Postado por: rosamar as 01h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



PORQUÊ O DIA 8 DE MARÇO

Neste dia, do ano de 1857, as operárias têxteis de uma fábrica de Nova Iorque entraram em greve, ocupando a fábrica, para reivindicarem a redução de um horário de mais de 16 horas por dia para 10 horas. Estas operárias que, nas suas 16 horas, recebiam menos de um terço do salário dos homens, foram fechadas na fábrica onde, entretanto, se declarara um incêndio, e cerca de 130 mulheres morreram queimadas. Em 1910, numa conferência internacional de mulheres realizada na Dinamarca, foi decidido, em homenagem àquelas mulheres, comemorar o 8 de Março como "Dia Internacional da Mulher". De então para cá o movimento a favor da emancipação da mulher tem tomado forma, tanto em Portugal como no resto do mundo.



O QUE SE PRETENDE COM A CELEBRAÇÃO DESTE DIA

Pretende-se chamar a atenção para o papel e a dignidade da mulher e levar a uma tomada de consciência do valor da pessoa, perceber o seu papel na sociedade, contestar e rever preconceitos e limitações que vêm sendo impostos à mulher.



Não queremos ser mais...nem menos...apenas...iguais!!!

RETRATO DE MUJER

Pobre madre-niña, marginalizada!
Que dio a luz debajo de un puente
Un ser de paternidad ignorada...
Ahora, madre e hijo, una vida carente!
 
Malmirada, miserable y madre soltera;
Retrato de mujer encontrado en la suciedad,
Por lo visto, va a pasar la vida entera
Enfrentando del destino su voluntad.
 
Socialité de vista opuesta en el diario,
Con un hijo recién nacido en la vida,
A veces sale en las noticias del semanario:
Retrato de mujer pidiendo comida!
 
Ah, si la cronista de la página social
No se preocupase sólo con las madames!...
Y mostrara la sociedad por igual,
otro retrato de mujer, de las infames!...
 
Sólo así creo que sería posible
A la camada rica darle  una pista
De cuanto ella se muestra insensible,
Pensando sólo en sí, tan egoísta!
 
Retrato de mujer, foco de belleza!
Impropio para propagar mendicación.
No podemos contrariar a la Naturaleza...
Retrato de mujer es sólo distinción!

Ógui Lourenço Mauri
21/02/2005


- Postado por: rosamar as 10h08
[ ] [ envie esta mensagem ]



A amiga Neinha, está a precisar de nosso apoio nesse momento.
Passem pelo seu blog e deixem uma palavra de conforto ou de oração.




 Obrigada

 

presentinhos de s. valentim que recebi



(presentinho para voces)



Perguntei a um sábio

Perguntei a um sábio,
a diferença que havia
entre amor e amizade,
ele me disse essa verdade...

O Amor é mais sensível,
a Amizade mais segura.
O Amor nos dá asas,
a Amizade o chão.

No Amor há mais carinho,
na Amizade compreensão.
O Amor é plantado
e com carinho cultivado.

a Amizade vem faceira,
e com troca de alegria e tristeza,
torna-se uma grande
e querida companheira.

Mas quando o Amor é sincero
ele vem com um grande amigo,
e quando a Amizade é concreta,
ela é cheia de amor e carinho.

Quando se tem um amigo
ou uma grande paixão,
ambos sentimentos coexistem
dentro do seu coração.

(William Shakespeare)



obrigada lekka e ana clara pelo carinho
 


- Postado por: rosamar as 19h49
[ ] [ envie esta mensagem ]



presentinhos de Ano Novo 2008


 

 



- Postado por: rosamar as 03h09
[ ] [ envie esta mensagem ]




o melhor presente que ganhei neste Natal:


obrigada saria



presentinhos de Natal que recebi
a todos muito obrigada


(presentinho para voces)



da lena basso recebi tambem este lindo poema

Para você

Você,
que é especial para mim,
esteve ao meu lado
nos melhores momentos
Nos instantes em que a
coragem e a força
pareciam sumir ,
a descrença querendo abater
do meu lado você não saiu.

Você,
se fez sempre presente
quando eu parecia ausente.
Me aceitou e nunca perguntou
a razão do meu silêncio.

Você
soube ler as linhas traçadas,
advinhou o que escrevi nas entrelinhas.

Comigo sorriu e gargalhou mas,
também chorou e rezou.
Recebeu meus emails pacientemente,
me enviou mensagens lindas.

Você,
faz parte de meu universo.
Sua amizade é o meu tesouro.

Hoje, você
recebe meu agradecimento,
por ter me dispensado sua amizade.

A você,meu pedido de ano velho:
Não saia do meu lado,
me dê a sua mão
para juntos caminharmos,
lado a lado iremos colher
as alegrias do Ano que se inicia.
(Marilena Basso)


cartao de natal



- Postado por: rosamar as 17h01
[ ] [ envie esta mensagem ]



29 NOV 2007



TERRAMOTOS
Dizem que, passado o terramoto de Lisboa (1755), o Rei
perguntou ao Marquês de Pombal o que se havia de fazer.
Ele respondeu ao Rei:

"Sepultar os mortos,
cuidar dos vivos
e fechar os portos".

Essa resposta simples, franca e directa tem muito a ensinar-nos.
Muitas vezes temos em nossa vida "terramotos" avassaladores.
O que fazer?
Exactamente o que disse o Marquês de Pombal:

"Sepultar os mortos,
cuidar dos vivos
e fechar os portos".
E o que isso quer dizer para a nossa vida?

Sepultar os mortos significa que não adianta ficar
reclamando e chorando o passado.
É preciso "sepultar" o passado. Colocá-lo debaixo da terra.
Isso significa "esquecer" o passado.
Enterrar os mortos.

Cuidar dos vivos significa que, depois de enterrar o passado,
em seguida temos que cuidar do presente.
Cuidar do que ficou vivo. Cuidar do que sobrou.
Cuidar do que realmente existe.
Fazer o que tiver que ser feito para salvar o que restou do
terramoto

Fechar os portos significa não deixar as "portas" abertas
para que novos problemas possam surgir ou "vir de fora"
enquanto estamos a cuidar e salvar o que restou do
terramoto de nossa vida.
Significa concentrar-se na reconstrução, no novo.

É assim que a história nos ensina.
Por isso a história é "a mestra da vida".
Portanto, quando você enfrentar um terramoto,
não se esqueça:

"Sepulte os mortos,
cuide dos vivos
e feche os portos".
Pense nisso!
Eu estou pensando e tentando...

(autor desconhecido)

obrigada silvio, por vezes esqueço-me...



- Postado por: rosamar as 22h01
[ ] [ envie esta mensagem ]




presentinhos de Halloween 2007 que recebi

 

minha rosa morena



para bem do seu coraçao, visite

 
 
entre e assine a petiçao:


TRIBUNAL DE ALENQUER - PORTUGAL - JUNHO 2008

ANA SARDiNHA foi condenada a 5 anos de prisao com pena suspensa, sendo obrigada a ser acompanhada por um psicologo, no Brasil.o relatorio desse psicologo terá de ser remetido anualmente para Portugal.

Foi dado como provado que ela deu ao filho uma dose "18vezes" superior ao que a criança tomava. A unica desculpa para isto, é que ela estava numa profunda depressao depois do grande desgosto que teve com o namorado.

desejo tudo de bom para ela, mas isto vai acompanha-la certamente até ao fim da vida.



- Postado por: rosamar as 23h34
[ ] [ envie esta mensagem ]



16 out 2007

adriano correia de oliveira

16 out 1982             16 out 2007



canta: adriano

"Trova do Vento que Passa"

Pergunto ao vento que passa
notícias do meu país
e o vento cala a desgraça
o vento nada me diz.

Pergunto aos rios que levam
tanto sonho à flor das águas
e os rios não me sossegam
levam sonhos deixam mágoas.

Levam sonhos deixam mágoas
ai rios do meu país
minha pátria à flor das águas
para onde vais? Ninguém diz.

[Se o verde trevo desfolhas
pede notícias e diz
ao trevo de quatro folhas
que morro por meu país.

Pergunto à gente que passa
por que vai de olhos no chão.
Silêncio -- é tudo o que tem
quem vive na servidão.

Vi florir os verdes ramos
direitos e ao céu voltados.
E a quem gosta de ter amos
vi sempre os ombros curvados.

E o vento não me diz nada
ninguém diz nada de novo.
Vi minha pátria pregada
nos braços em cruz do povo.

Vi minha pátria na margem
dos rios que vão pró mar
como quem ama a viagem
mas tem sempre de ficar.

Vi navios a partir
(minha pátria à flor das águas)
vi minha pátria florir
(verdes folhas verdes mágoas).

Há quem te queira ignorada
e fale pátria em teu nome.
Eu vi-te crucificada
nos braços negros da fome.

E o vento não me diz nada
só o silêncio persiste.
Vi minha pátria parada
à beira de um rio triste.

Ninguém diz nada de novo
se notícias vou pedindo
nas mãos vazias do povo
vi minha pátria florindo.

E a noite cresce por dentro
dos homens do meu país.
Peço notícias ao vento
e o vento nada me diz.

Quatro folhas tem o trevo
liberdade quatro sílabas.
Não sabem ler é verdade
aqueles pra quem eu escrevo.]

Mas há sempre uma candeia
dentro da própria desgraça
há sempre alguém que semeia
canções no vento que passa.

Mesmo na noite mais triste
em tempo de servidão
há sempre alguém que resiste
há sempre alguém que diz não.

Nem todas as quadras aparecem na canção; as ausentes estão entre [ ]



ernesto "che" guevara

9 out 1967           9 out 2007



"Se você é capaz de tremer de indignação a cada vez que se comete
uma injustiça no mundo, então somos companheiros."

Os poderosos podem matar uma, duas até três rosas,
mas nunca deterão a primavera."


- Postado por: rosamar as 19h01
[ ] [ envie esta mensagem ]



Lista de grandes amigos

Faça uma lista de grandes amigos,
quem você mais via há dez anos atrás...
Quantos você ainda vê todo dia?
Quantos você já não encontra mais?...

Faça uma lista dos sonhos que tinha...
Quantos você desistiu de sonhar?
Quantos amores jurados pra sempre...
Quantos você conseguiu preservar?

Onde você ainda se reconhece,
na foto passada ou no espelho de agora?
Hoje é do jeito que achou que seria?
Quantos amigos você jogou fora...

Quantos mistérios que você sondava,
quantos você conseguiu entender?
Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber...

Quantas mentiras você condenava,
quantas você teve que cometer ?
Quantos defeitos sanados com o tempo,
era o melhor que havia em você?

Quantas canções que você não cantava,
hoje assobia pra sobreviver ...
Quantas pessoas que você amava,
hoje acredita que amam você?

Faça uma lista de grandes amigos
Quem você mais via há dez anos atrás...
Quantos você ainda vê todo dia
Quantos você já não encontra mais...

Quantos segredos que você guardava
Hoje são bobos ninguém quer saber...
Quantas pessoas que você amava
Hoje acredita que amam você.

(Oswaldo Montenegro)
( PARA DIH )



prendinha da afilhada palomita



obrigada pelo carinho


- Postado por: rosamar as 17h25
[ ] [ envie esta mensagem ]





...em dia

a maior burla depois de "alves dos reis"...

20 Novembro 2007

"TOP SECRET"

AMIGOS PODEM CONTAR TODA A VERDADE À PJ

Os advogados de dois amigos dos McCann, que estiveram presentes na noite do crime, disseram ao ‘El Mundo’ que os seus clientes querem “revelar toda a verdade à polícia do que aconteceu antes, durante e depois do jantar”, mas sentem-se intimidados “pelo lóbi político e económico que rodeia Kate e Gerry”. Os McCann só terão chamado a polícia “depois de analisarem em grupo as consequências de terem deixado os três filhos sozinhos a dormir”.

15 Novembro 2007

Tenha vergonha na cara Piers Merchant!

Acusação de deputado inglês é "inqualificável"

O ministro da Justiça e o director nacional da Polícia Judiciária consideraram "inqualificáveis" e "irresponsáveis" as declarações de um assessor de um deputado britânico no Parlamento Europeu que acusa o sistema judicial e policial português de ser "corrupto". Por seu turno, o procurador-Geral da República, Pinto Monteiro, considerou que tais afirmações "não têm fundamento." Mais violenta foi a reacção da eurodeputada socialista Ana Gomes: "[as afirmações] não nos intimidam, já que vêm de um grupo anti-europeu, xenófobo, que desconfia de tudo", declarou ao Portugal Diário.

Piers Merchant, assessor de Roger Knapman, citado pelo semanário Sol, refere que o Governo inglês se tem envolvido no apoio ao casal McCann porque "Portugal não tem uma verdadeira tradição de direitos civis, liberdades e democracia".

"As acusações feitas ao sistema judicial português e à Polícia Judiciária não têm qualquer fundamento e são até contraditórias com o que o Governo inglês e a Polícia desse país (Inglaterra) têm afirmado", reagiu o PGR à agência Lusa. "Esse senhor é, acima de tudo, INCULTO. Se pensa que Portugal está às ordens de Inglaterra, está muito enganado. São tiques de alguém que já teve um Império e que o perdeu. Não somos, nem seremos criados dos ingleses". Esta foi a reacção do presidente da Associação Sindical dos Funcionários de Investigação Criminal da Polícia Judiciária, Carlos Anjos. Na missiva, o eurodeputado acusava a PJ de ter conduzido uma investigação "falhada" desde o início, além de fazer alusão a "reflexos" do anterior regime.

"Quem está a sair mal de toda esta situação é Inglaterra e os ingleses. A sua soberba e sobranceria estão a vir ao de cima, parecem enervados com alguma coisa. E não é seguramente o facto de não se saber o que aconteceu a Madeleine".

(JOSÉ MANUEL OLIVEIRA)

8 Novembro 2007

Será que alguem vai finalmente dizer a verdade? ou vai continuar a "tele-mundial-novela"?



De acordo com o jornal espanhol «El Mundo», os advogados de dois dos ingleses que passavam férias com os McCann contactaram a polícia portuguesa com a intenção de que os seus clientes alterassem os depoimentos prestados quando inquiridos pela Policia Judiciária de Portimão em Maio e Junho.

Esta mudança de atitude surge depois de ter sido colocada a hipótese de algumas pessoas do grupo que passaram férias no Algarve serem constituídas arguidas, precisamente por terem prestado falsas declarações.

Os dois ingleses, que jantavam com Kate e Gerry McCann na noite do desaparecimento de Madeleine, pediram que as respectivas identidades não fossem reveladas.

24 Outubro 2007

espanha - fim da entrevista:

"...NAO DIGAS NADA ENQUANTO NAO TE DESLIGAREM O MICROFONE..."

19 Outubro 2007

Anne Enright vs McCann

Anne Enright, vencedora do Booker Prize deste ano, escreveu um artigo na London Review of Books que desprestígia por completo o casal McCann.

Atente-se:

"Acho que a necessidade de Gerry de influenciar as investigações é pior do que a ausência da emoção dela (Kate)."

"A linguagem que ele (Gerry) usa é mais apropriada para uma corporação executiva do que para um pai desesperado. Isso talvez seja apenas o que ele faz. Talvez seja tudo que ele tem de si para dar ao mundo"

"Em Agosto, a súbita convicção de que os McCann são os culpados assolou as nossas férias em família. É claro que o fizeram. Isso faz muito mais sentido do que o facto de terem deixado as crianças sozinhas."

"Não gostei deles, antes de toda a gente, (não estou orgulhosa disso). Pensei que estava zangada com eles por terem deixado as crianças sozinhas. Na realidade, o que me zangou foi o facto de eles se recusarem a admitir que a sua filha pode estar morta."

***

Indignação...

Nesta semana, Kate McCann disse estar sendo perseguida pela imprensa por "não ter uma aparência maternal".

"Se eu pesasse dez quilos a mais, tivesse mais peito e um ar mais maternal, as pessoas teriam mais compaixão", teria dito Kate a sua mãe, Susan Healy.

Os comentários de Anne Enright provocaram indignação na família dos McCann.

"Ela deve estar a querer publicidade com estes comentários. É uma coisa surpreendente, levando-se em conta que ela nem conhece Kate e Gerry", disse Trish Cameron, irmã de Gerry ao Telegraph.

A escritora irlandesa, de 45 anos, ganhou o Boooker Prize pelo romance The Gathering. Anne Enright é mãe de dois filhos, de 4 e 7 anos.

Kate e Gerry McCann, ambos com 39 anos, são considerados suspeitos na investigação sobre o desaparecimento da filha.

***

Empregados da Praia da Luz garantem que Kate McCann deixou, uma noite, os filhos sozinhos durante três horas. A revelação vem na edição de hoje do jornal britânico ‘The Sun’, que volta a dedicar quase toda a primeira página ao desaparecimento da criança inglesa a 3 de Maio, no Algarve.

***


28 setembro 2007

O GLOBO ONLINE

Investigação

Polícia suspeita que Madeleine foi morta pela mãe enquanto pai jogava tenis, diz jornal
(Publicada em 28/09/2007 às 12h50m)

RIO - A Polícia Judiciária portuguesa suspeita que Madeleine McCann foi morta acidentalmente pela mãe, enquanto o pai jogava tenis, afirmou nesta sexta-feira o jornal português "Diário de Notícias". A menina britânica teria morrido no apartamento do hotel onde estava com a mãe, Kate, e os irmãos mais novos.

A morte acidental de Maddie teria acontecido antes, portanto, de o casal McCann sair para jantar com amigos, como vinha sendo noticiado. De acordo com o jornal, entre as 19h e as 20h30 do dia em que a menina desapareceu, nem Kate nem Madeleine foram vistas no hotel onde estavam, na Praia da Luz, em Portugal.

Investigadores acreditam que depois disso o corpo da criança teria passado por vários lugares antes de ser transportado pelos pais. De acordo com análises de DNA, vestígios de sangue e cabelos de Madeleine foram encontrados no carro alugado pela família depois de seu desaparecimento, no dia 3 de maio.

A polícia suspeita de uma viagem que Kate e Gerry McCann realizaram a Espanha, na qual, segundo os detectives, o casal poderia ter transportado o corpo da filha. Segundo informou o jornal português "Correio da Manhã", agentes policiais estão analisando gravações de camaras de segurança de circuito fechado, que indicam qual foi o percurso exacto dos McCann em Espanha.

Os detectives suspeitam que os pais transportaram o corpo da filha no porta-malas do veículo e o deixaram em território espanhol. De acordo com o que foi noticiado, a polícia espanhola entregou aos agentes portugueses várias horas de gravação que mostravam o Renault Scenic alugado pelo casal em lugares "onde não fazia nenhum sentido que o veículo estivesse".

A imprensa britânica afirmou, no entanto, que os agentes portugueses estão criando uma "má reputação" para os McCann, para pressioná-los a uma confissão. As acusações foram menosprezadas por amigos e pessoas próximas aos McCann, que qualificaram as informações como "sem sentido".

26 setembro 2007

Gerry nunca falou à PJ da tese de rapto.

Pai de Madeleine revelou agora suspeitar que o raptor estaria no quarto quando foi ver pela última vez as crianças, mas a verdade é que nos vários contactos que manteve com os investigadores nunca o disse. Polícia Judiciária estranha também postura dos McCann que, já em Julho, acreditavam que Maddie estava morta...

Gerry McCann nunca falou à Polícia Judiciária da tese agora difundida pelos jornais ingleses de que o raptor estaria no quarto quando foi ver as crianças. Esta nova tese causa estranheza aos investigadores, já que o pai de Maddie foi ouvido formalmente quatro vezes em Portimão e mantinha contactos regulares com a polícia portuguesa. “Tinha instruções para nos ligar a qualquer hora caso se lembrasse de um pormenor importante. Esse seria seguramente relevante, mas ele nunca falou”, disse ao Correio da Manhã fonte policial.

(correio da manha)

***

o governo britanico ja decidiu: "inocentes"

***

15 setembro 2007


Gerry McCann, pai de Madeleine McCann, Peter McCann e algumas ligações e possibilidades curiosas…

Parece evidente que existem contactos muito próximos entre o governo britânico e os McCann… As motivações desta proximidade pode ser apenas mediática, isto é, resultar da vontade do Labor de embarcar numa causa popular e muito mediática… Mas, pode haver outras motivações por parte deste apoio mais ou menos expresso do Governo de Gordon Brown ao casal McCann… Corre em Inglaterra o rumor que esta cobertura governamental existe porque alguns elementos do actual governo do Labour ou familiares seus foram tratados na clínica de reabilitação pertencente a um membro da numerosa família McCann… E falamos de CastleCraig : " Castle Craig, with its 50 secluded acres of private land, is located in the rolling hillsides of the Scottish Borders, and only 30 minutes from Edinburgh. The hospital provides inpatient treatment for those suffering from alcohol and drug dependence and other addictive disorders"
É verdade que entre os directores do "Castle Craig" se encontram:

“Peter McCann MA, ICADC Chairman
Dr Margaret Ann McCann, MB Bch BAO Medical Director
Dr. Michael G. McCann , MD , MA , DIH, MFOM Director
John L McCann BA ACIS Financial Director/Administrator”

O site do hospital menciona também que “The hospital is a Preferred Provider to the U.S. Government under the Tricare programme and it is also recognised by the Dutch insurance companies.” Ora bem… Não foi na Holanda que viveu o casal McCann antes de regressar ao Reino Unido? Não é na Holanda também que este hospital particular tem também a sua única delegação no estrangeiro? O email que enviei ao endereço deste Peter McCann não teve resposta… Mas tentem vocês:pjm@castlecraig.co.uk … Segundo alguns, que dariam a informação como “confirmada” Peter McCann seria tio de Gerry e a sua clínica seria local de tratamento habitual para militares americanos e para membros do Governo britânico com problemas desde a dependência do alcool até drogas mais pesadas… Agora que é uma grande clínica/hospital, isso não oferece dúvidas: “Peter McCann, director of Castle Craig hospital in the Borders, the UK’s largest treatment centre for adult dependency on drink and drugs, said a network must be established because the number of children becoming hooked on alcohol and drugs was spiralling out of control.“ in http://www.guardian.co.uk/uk_news/story/0,,1635897,00.html Curiosamente, um dos vários supostos avistamentos de Madeleine, ocorreu em Gozo, na ilha de Malta e no terminal de autocarros de La Valleta . Ora este Peter McCann tem uma propriedade em Gozo (segundo um Forum do jornal britânico Mirror ) É certo que McCann´s… Há muitos. Só na lista telefonica de Londres há perto de 50, pelo que pode nem haver ligação familiar directa. Não se sabendo exactamente qual a ligação entre este Peter McCann e Gerry McCann sabe-se contudo que o pai de Gerry, foi um deputado (MP) do parlamento britânico pelo… Labour… O mesmo partido de Gordon Brown. Com efeito, o seu pai, Jack McCann (1910-1972) foi eleito em 1958 e cumpriu mandato até 1964, sendo depois nomeado para o Tesouro e em 1966 “Chamberlain of the Household” (seja lá isso o que for…) e regressando ao Tesouro em 1967. Esta ligação confirmada, mais a não confirmada ligação entre Peter McCann explicam a facilidade com que o casal movimentou meios diplomáticos e governamentais e até, como conseguiu chegar ao Papa. Outro rumor não confirmado diz que uma das irmãs de Gerry foi assassinada há alguns anos e que esse assassinato estaria ligado a Drogas… Precisamente a área de actividade do CastleCraig de Peter McCann… Coincidência?

O que acha que aconteceu a Madeleine McCann?

1) Foi raptada por uma rede de pedofilia
2) Foi raptada por uma rede de adopção ilegal
3) Foi morta acidentalmente por um dos pais
4) Foi morta intencionalmente por um dos pais
5) Fugiu sozinha e sofreu um acidente

10 setembro 2007

Imbróglio diplomático

Ontem, depois de ver o especial Sic sobre o "Caso Maddie", ocorreu-me que nenhum dos presentes referiu o imbróglio diplomático que advém e continuará a advir deste processo. A ligação de Gerry McCann ao actual Primeiro-Ministro inglês, Gordon Brown, funcionará sempre como uma pressão acrescida junto do Governo português. E, pelo que se tem visto nos últimos dias, com o revés no processo e a constituição como arguidos dos pais, não parece plausível que os ingleses venham a aceitar uma condenação dos pais. Primeiro, porque falamos de um casal ingles com um peso mediático construído a partir do processo; segundo porque se trata de um processo contra cidadãos ingleses instaurado num território estrangeiro. Neste sentido, envolver a polícia britânica e o laboratório de Birmingham no desenrolar do processo foi sem dúvida uma atitude inteligente. Seria também bonito, que José Sócrates viesse a público reiterar a confiança no trabalho da Polícia Judiciária, pedindo ao mesmo tempo ao povo inglês paciência e seriedade para com o trabalho que está a ser realizado em Portugal.

(texto de Joao Ferreira Dias no blog KONTRASTES)

9 setembro 2007

deixei de acreditar na justiça portuguesa


Pais de Madeleine viajam para o Reino Unido sem oposição da Polícia


Madeleine poderá ter sido agredida. Mas também poderá ter morrido na sequência
de um acidente,depois de ter sido sedada para dormir.
É esta a convicção da Polícia Judiciária, que acredita ter sido Kate que matou
Maddie, de forma acidental ou consciente.

(correio da manha 10/9)





merci LIDESE





- Postado por: rosamar as 20h29
[ ] [ envie esta mensagem ]



Tribute to Elvis
January 8, 1935 - August 16 - 1977

 mce_src=



- Postado por: rosamar as 23h36
[ ] [ envie esta mensagem ]



O Construtor de Pontes

Dois irmãos que moravam em fazendas vizinhas, separadas apenas por um riacho, entraram em conflito. Foi a primeira grande desavença em toda uma vida de trabalho lado a lado. Mas agora tudo havia mudado... O que começou com um pequeno mal entendido, finalmente explodiu numa troca de palavras ríspidas, seguidas por semanas de total silêncio. Numa manhã, o irmão mais velho ouviu baterem à sua porta.
- Estou procurando trabalho, disse ele. Talvez você tenha algum serviço para mim.
- Sim, disse o fazendeiro. Claro! Vê aquela fazenda ali, além do riacho? É do meu vizinho. Na realidade, é do meu irmão mais novo, nós brigamos e não o posso mais suportar. Vê aquela pilha de madeira ali no celeiro? Pois use para construir uma cerca bem alta.
- Acho que entendo a situação, disse o carpinteiro. Mostre-me onde estão a pá e os pregos.
O irmão mais velho entregou o material e foi para a cidade. O homem ficou ali cortando, medindo, trabalhando o dia inteiro. Quando o fazendeiro chegou, não acreditou no que viu: em vez de cerca, uma ponte foi construída ali, ligando as duas margens do riacho. Era um belo trabalho, mas o fazendeiro ficou enfurecido e falou:
- Você foi atrevido construindo essa ponte depois de tudo que lhe contei. Mas as surpresas não pararam ai. Ao olhar novamente para a ponte viu o seu irmão se aproximando de braços abertos. Por um instante permaneceu imóvel do seu lado do rio. O irmão mais novo então falou:
- Você realmente foi muito amigo construindo esta ponte mesmo depois do que eu lhe disse.
De repente, num só impulso, o irmão mais velho correu na direcção do outro e abraçaram-se, chorando no meio da ponte. O carpinteiro que fez o trabalho partiu com sua caixa de ferramentas.
- Espere, fique connosco! Tenho outros trabalhos para você. E o carpinteiro respondeu:
- Eu adoraria, mas tenho outras pontes a construir...

(autor desconhecido)




- Postado por: rosamar as 16h38
[ ] [ envie esta mensagem ]



estou muito contente,
ganhei uma afilhada virtual: a palomita dos blogs
PENSAMENTOS MEUS e LUZ DO DESEJO





Os dez Mandamentos do perfeito Internauta:
1- Não roubarás o trabalho dos outros.
2- Não copiarás nunca textos com direitos do autor.
3- Pedirás sempre permissão antes de pegar.
4- Nunca usarás os comentários para atacar ou denegrir uma pessoa.
5- Não terás nunca ciume e inveja dos esforços dos outros.
6- Compartilharás teus conhecimentos com outros sem nenhum remorso.
7- Não hesitarás nunca em ajudar como já te ajudaram.
8- Como bom visitante guardarás os maus comentários para ti mesmo.
9- Serás respeitador e cortês sempre.
10- Tu serás feliz com o sucesso dos teus pares.

(Ideia original e texto ©
LadyJo traduzido pela Sandra-CMI)

 
http://www.grupopspbrasil.com.br/animation.htm
http://www.pspamigos.com.br/ferramentas.htm
http://www.4shared.com/file/3296095/de1bf6da/fo-psp7.html


- Postado por: rosamar as 11h50
[ ] [ envie esta mensagem ]



Obrigada Sandra e Marie pela homenagem que me fizeram na
Sala de Visitas do Clube da Melhoridade
de 19/6/2007 ate 3/7/2007






muito obrigada pelo vosso carinho
e de todos que me visitaram



- Postado por: rosamar as 22h27
[ ] [ envie esta mensagem ]



Maio, mês dos Milagres


"Os milagres podem acontecer"
O teu rosto ja corre Mundo pelas piores razoes. . .
Que voltes sã e salva para que possas contar a tua historia





289 884 500 , 282 405 400 , 218 641 000 , 112








- Postado por: rosamar as 23h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



25 abril 1974 - 25 abril 2007
Às 04h26 o locutor Joaquim Furtado fazia a leitura do primeiro comunicado do MFA, aos microfones do Radio Clube Portugues:

"Aqui posto de comando do Movimento das Forças Armadas. As Forças Armadas portuguesas apelam para todos os habitantes da cidade de Lisboa no sentido de recolherem a suas casas, nas quais se devem conservar com a maxima calma. Esperamos sinceramente que a gravidade da hora que vivemos nao seja tristemente assinalada por qualquer acidente pessoal, para o que apelamos para o bom senso dos comandos das forças militarizadas no sentido de serem evitados quaisquer confrontos com as  Forças Armadas. Tal confronto, alem de desnecessario, so poderia conduzir a serios prejuizos individuais que enlutariam e criariam divisao entre os portugueses, o que ha que evitar a todo o custo. Nao obstante a expressa preocupaçao de nao fazer correr a minima gota de sangue de qualquer portugues apelamos para o espirito civico e profissional da classe medica, esperando a sua acorrencia aos hospitais, a fim de prestar eventual colaboraçao, que se deseja, sinceramente, desnecessaria."
 



- Postado por: rosamar as 20h51
[ ] [ envie esta mensagem ]



PRESENTINHOS DE PASCOA







Jesus, Mestre divino e amado, as dores sao muitas
e inevitaveis, mas nao quero prender-me a elas,
nem deter-me em momentos dramaticos e chamar
a atençao para os meus sofrimentos.

Nem mesmo quero amarrar-me a situaçoes que
sao apenas degraus,trampolins, passagens que
apontam para a vida plena.

Deixando-me envolver pelos Teus toques de alegria,
de luz e de paz, peço-Te nao apenas que despertes
em mim talentos adormecidos, mas que os meus
dons aflorem com brilho e vida nova.

Abre-me os olhos,mente e coraçao e aguça-me
os sentidos todos para ser capaz de perceber,
receber e reviver toda a paz oferecida por Ti,
como presente de Tua gloriosa Ressurreiçao.

Ressuscita em mim os incontaveis e preciosos
DONS que venho recebendo, mesmo sem os
perceber, ao longo dos anos!

Ressuscita em mim aquela LUZ vitoriosa e primeira
que recebi de Ti, fonte do Amor e da Vida!

Ressuscita em mim aquela CHAMA alegre
que vem colocando riso, bondade e esperança em meu coraçao de criança

Ressuscita em mim aquela CENTELHA de
encantamento pela beleza que se renova em
toda a obra de Tuas maos!

Ressuscita em mim, a cada novo dia,
as SEMENTES da FÉ da ESPERANÇA
e do AMOR, e abraça-me na PAZ da
Tua RESSURREIÇAO!



Ir. Zuleides Andrade, ascj
Curitiba,25 de marco de 2005

Sempre que copiar, copie com Amor.
Preserve o nome do Autor.
Direitos Autorais Protegidos



- Postado por: rosamar as 10h27
[ ] [ envie esta mensagem ]



Grandola Vila Morena

Grandola, vila morena
Terra da fraternidade
O povo é quem mais ordena
Dentro de ti, ó cidade

Dentro de ti,ó cidade
O povo é quem mais ordena
Terra da fraternidade
Grandola, vila morena

Em cada esquina um amigo
Em cada rosto igualdade
Grandola, vila morena
Terra da fraternidade

Terra da fraternidade
Grandola, vila morena
Em cada rosto igualdade
O povo é quem mais ordena

À sombra duma azinheira
Que a nao sabia a idade
Jurei ter por companheira
Grandola a tua vontade

Grandola a tua vontade
Jurei ter por companheira
À sombra duma azinheira
Que ja nao sabia a idade

(Zeca Afonso)



Menino do Bairro Negro

Olha o sol que vai nascendo
Anda ver o mar
Os meninos vao correndo
Ver o sol chegar

Menino sem condiçao
Irmao de todos os nus
Tira os olhos do chao
Vem ver a luz

Menino do mal trajar
Um novo dia la vem
So quem souber cantar
Vira tambem

Negro bairro negro
Bairro negro
Onde nao ha paz
Nao ha sossego

Menino pobre o teu lar
Queira ou nao queira o papao

Ha-de um dia cantar
Esta cançao

Olha o sol que vai nascendo
Anda ver o mar
Os meninos vao correndo
Ver o sol chegar

Se até da gosto cantar
Se toda a terra sorri
Quem te nao ha-de amar
Menino a ti

Se nao é furia a razao
Se toda a gente quiser
Um dia has-de aprender
Haja o que houver

Negro bairro negro
Bairro negro
Onde nao ha paz
Nao ha sossego

Menino pobre o teu lar
Queira ou nao queira o papao
Has-de um dia cantar
Esta cançao



- Postado por: rosamar as 11h48
[ ] [ envie esta mensagem ]



Na Europa e na America do Norte,o dia dos namorados
é tradicionalmente comemorada no dia 14 de fevereiro,
dia de Sao Valentim.


merci fanny



Nao permaneça preso ao passado nem a recordaçoes tristes.
Nao remexa uma ferida que está cicatrizada. O que passou, passou!
Deste momento em diante, procure construir uma vida nova,
na direcçao do alto, caminhando para frente, sem olhar para tras!


 



- Postado por: rosamar as 15h56
[ ] [ envie esta mensagem ]



Viagem Pela Vida

"Se nao puder ser o maquinista, seja o passageiro mais divertido.
Procure um lugar proximo da janela, desfrute cada uma das paisagens que o tempo lhe oferecer, com o prazer de quem realiza a primeira viagem.
Nao se assuste com os abismos, nem com as curvas que nao lhe deixam ver os caminhos que estao por vir.
Procure curtir a viagem da vida, observando cada arbusto, cada riacho, beirais de estrada e tons mutantes de paisagem.
Desdobre o mapa e planeie roteiros.
Preste atençao em cada ponto de parada, e fique atento ao apito da partida.
E quando decidir descer na estaçao onde a esperança lhe acenou, nao hesite.
Desembarque nela os seus sonhos.
Que a sua viagem pela vida seja de primeira classe!"




- Postado por: rosamar as 23h36
[ ] [ envie esta mensagem ]



Como se sente hoje?
Se você esté se sentindo como eu, uma anta
Se nenhuma roupa entra e fecha direito
Se o sentimento de culpa está lhe arrasando
Tudo porque comeu muito no natal
Tome Água!
Só Água!
Se der fome... tome Água
Se lembre da ultima vez que fez amor
Se imagine deliciosa
e...tome Água...muita Água
Se você está se sentindo gorda
Diga que é mentira do teu inconsciente
afinal todos incham um cadinho no calor
e...tome Água agora!
Se com toda essa Água
você nao se sentir melhor ...
Sinto muito
engordou mesmo , heim???
Mas, nao fique triste
A maior parte de suas amigas 
engordaram tambem
Sei que saber disso ajuda muito .
"O duro é que o que engorda nao é o que você come
entre o natal e o ano novo
Mas sim o que você come entre o ano novo e o natal"
(nao sei de quem essa frase provavelmente de alguma gordinha experiente)
Ps: Nao esqueça de tomar Água!
Afinal Água é coisa que nao engorda
Oh ceu!!!


- Postado por: rosamar as 12h40
[ ] [ envie esta mensagem ]






HOJE RECEBI FLORES

"Hoje recebi flores!...
Não é o meu aniversário ou nenhum
outro dia especial; tivemos a nossa primeira
discussão ontem à noite e ele me disse muitas
coisas cruéis que me ofenderam de verdade.
Mas sei que está arrependido e não as disse
a sério, porque ele me enviou flores hoje.
E não é o nosso aniversário ou
nenhum outro dia especial.

Ontem ele atirou-me contra a parede e
começou a asfixiar-me. Parecia um pesadelo,
mas dos pesadelos acordamos e sabemos
que não são reais. Hoje acordei cheia de dores e
com golpes em todos lados.
Mas eu sei que ele está arrependido, porque me
enviou flores hoje. E não é Dia dos Namorados
ou nenhum outro dia especial.

Ontem à noite bateu-me e ameaçou matar-me.
Nem a maquiagem ou as mangas compridas
poderiam ocultar os cortes e golpes que me
ocasionou desta vez. Não pude ir ao emprego
hoje porque não queria que percebessem.
Mas eu sei que está arrependido porque ele
me enviou flores hoje. E não era Dia das Mães
ou nenhum outro dia especial.

Ontem à noite ele voltou a bater-me,
mas desta vez foi muito pior. Se conseguir
deixá-lo, o que é vou fazer? Como poderia
eu sozinha manter os meus filhos?
O que acontecerá se faltar o dinheiro?
Tenho tanto medo dele!
Mas dependo tanto dele que tenho medo
de o deixar. Mas eu sei que está arrependido,
porque ele me enviou flores hoje.

Hoje é um dia muito especial:
É o dia do meu funeral.
Ontem finalmente conseguiu matar-me.
Bateu-me até eu morrer.

Se ao menos eu tivesse tido a coragem e a
força para o deixar... Se tivesse pedido ajuda
profissional... Hoje não teria recebido flores!

Por uma vida sem violência!!!
Partilhem essa mensagem para criar consciência.."

***

 



   

Um novo ano vem aí­ Carregadinho de boas intençoes!

Depositemos nele,
Nossas esperanças de paz e amor!

Tenhamos confiança e fé
Na Divina bondade!

Festejemos juntos
A chegada desse novo tempo
E, com ele, esperemos ver
Nossos sonhos realizados!

Oremos para que nossa caminhada
Seja iluminada pelo brilho
Das estrelas da felicidade!

Abracemos os amigos,
Cumprimentemos conhecidos
E desconhecidos!

Perdoemos os inimigos,
Varrendo para o passado
Rancores e mal entendidos!

Vivamos esse Novo Tempo
Com amor, amizade,
Paz e fraternidade!

Peçamos ao Senhor,
que nos abençoe com as dádivas
Da saude da prosperidade
E nos presenteie com um Ano Novo
Pleno de harmonia e felicidade!

  

 



- Postado por: rosamar as 16h05
[ ] [ envie esta mensagem ]



SAUDADES

"Um dia a maioria de nos ira separar-se.
Sentiremos saudades de todas as conversas jogadas fora,
das descobertas que fizemos, dos sonhos que tivemos,
do tantos risos e momentos que partilhamos.
Saudades até dos momentos de lagrimas, da angustia, das
vesperas dos finais de semana, dos finais de ano, enfim... do companheirismo vivido.

Sempre pensei que as amizades continuassem para sempre.
Hoje nao tenho mais tanta certeza disso.
Em breve cada um vai para seu lado, seja
pelo destino ou por algum desentendimento, segue a sua vida.
Talvez continuemos a nos encontrar, quem sabe...nas cartas que
trocaremos.

Podemos falar ao telefone e dizer algumas tolices...
Aí­, os dias vao passar, meses...anos... até este contacto se
tornar cada vez mais raro.
Vamo-nos perder no tempo....

Um dia os nossos filhos verao as nossas fotografias e perguntarao:
"Quem sao aquelas pessoas?"

Diremos...que eram nossos amigos e...... isso vai doer tanto!
-"Foram meus amigos, foi com eles que vivi tantos bons
anos da minha vida!"
A saudade vai apertar bem dentro do peito.
Vai dar vontade de ligar, ouvir aquelas vozes novamente......
Quando o nosso grupo estiver incompleto...
reunir-nos-emos para um ultimo adeus de um amigo.

E, entre lagrimas abraçar-nos-emos.
Entao faremos promessas de nos encontrar mais vezes
daquele dia em diante.
Por fim, cada um vai para o seu lado para continuar a viver a
sua vida, isolada do passado.
E perder-nos-emos no tempo.....

Por isso, fica aqui um pedido deste humilde amigo: nao deixes
que a vida passe em branco, e que pequenas adversidades sejam a causa de
grandes tempestades....
Eu poderia suportar, embora nao sem dor, que tivessem
morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem
todos os meus amigos!"

Obrigado por estarem comigo

(ao meu amigo KVR, nunca esta poesia de fernando pessoa

esteve tao certinha, nao é? um grande abraço)


- Postado por: rosamar as 15h37
[ ] [ envie esta mensagem ]





Dê um CLIQUE DUPLO neste NATAL!
ARRASTE JESUS para seu DIRECTÓRIO PRINCIPAL.
SALVE-O em todos SEUS ARQUIVOS PESSOAIS.
SELECCIONE-O como seu DOCUMENTO MESTRE.

Que Ele seja seu MODELO
para FORMATAR sua vida:
JUSTIFIQUE-a e ALINHE-a
À DIREITA e À ESQUERDA,
sem QUEBRAS na sua caminhada.

Que Jesus não seja apenas
um ÍCONE, um ACESSÓRIO,
uma FERRAMENTA, um RODAPÉ,
mas o CABEÇALHO,
a LETRA CAPITULAR,
a BARRA DE ROLAGEM de seu caminhar.

Que Ele seja a FONTE da graça
para sua ÁREA DE TRABALHO,
o PAINTBRUSH para COLORIR seu sorriso,
a CONFIGURAÇÃO de sua simpatia,
a NOVA JANELA para VISUALIZAR
o TAMANHO de seu amor,
o PAINEL DE CONTROLE,
para CANCELAR seus RECUOS
COMPARTILHAR seus RECURSOS e
ACESSAR o coração de suas amizades..

COPIE tudo que é bom
DELETE seus ERROS.
Não deixe à MARGEM ninguém,
ABRA as BORDAS de seu coração,
REMOVA dele o VÍRUS do egoísmo.

Antes de FECHAR,
Coloque JESUS nos seus FAVORITOS
e seu Natal será o ATALHO
de sua felicidade!
CLIQUE agora em OK
para ACTUALIZAR seus CONTEÚDOS!





- Postado por: rosamar as 22h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



ONDE VOCE TEM

Onde voce tem um obstaculo,
alguem ve o destino da viagem
E o outro ve uma chance de crescer.

Onde voce tem motivo pra se irritar,
Alguem ve a tragedia total
E o outro ve uma prova para sua paciencia.

Onde voce tem morte,
Alguem ve o fim
E o outro ve o começo de uma nova etapa...

Onde voce tem  fortuna,
Alguem ve riqueza material
E o outro pode encontrar por tras de tudo, a dor e a miseria total.

Onde voce tem  teimosia,
Alguem ve ignorancia,
Um outro compreende as limitaçoes do companheiro,
percebendo que cada qual caminha em seu proprio passo.
E que é inutil querer apressar o passo do
outro, a nao ser que ele deseje isso.

Cada qual ve o que quer, pode ou consegue enxergar.

"Porque eu sou do tamanho do que vejo.
E nao do tamanho da minha altura."

(Fernando Pessoa)



- Postado por: rosamar as 22h44
[ ] [ envie esta mensagem ]



ORGANIZADO PELO CLUBE DA MELHORIDADE TEMOS MAIS UMA NOVIDADE:



MINHA AMIGA SECRETA: A IOIO DO BLOG:
http://jaacheidoclik.weblogger.terra.com.br

dedico-lhe:

IOLANDA

(chico buarque)   Esta cançao nao é mais que mais uma cançao
Quem dera fosse uma declaraçao de amor
Romantica, sem procurar a justa forma
Do que lhe vem de forma assim tao caudalosa
Te amo,
te amo,
eternamente te amo

Se me faltares, nem por isso eu morro
Se é pra morrer, quero morrer contigo
Minha solidao se sente acompanhada
Por isso às vezes sei que necessito
Teu colo,
teu colo,
eternamente teu colo

Quando te vi, eu bem que estava certo
De que me sentiria descoberto
A minha pele vais despindo aos poucos
Me abres o peito quando me acumulas
De amores,
de amores,
eternamente de amores

Se alguma vez me sinto derrotado
Eu abro mao do sol de cada dia
Rezando o credo que tu me ensinaste
Olho teu rosto e digo à ventania
Iolanda, Iolanda, eternamente Iolanda
Eternamente Iolanda
Eternamente Iolanda



MINHA CIDADE: ESPINHO - PORTUGAL




BANDA DE MUSICA DA CIDADE DE ESPINHO



e eu sou a amiga secreta da val do blog:
http://valpasqual.zip.net/

que mora em VILA VELHA - ESPIRITO SANTO - BRASIL:





MUITO OBRIGADA MINHAS NOVAS AMIGAS!

 



- Postado por: rosamar as 09h22
[ ] [ envie esta mensagem ]







- Postado por: rosamar as 21h58
[ ] [ envie esta mensagem ]



Sopre as Cinzas
- Só por sacanagem -


Quem feriu você já feriu e já passou.
Lá na frente encontrará o inevitável retorno
e pelas mãos de outrem será ferido também.
A Vida se encarregará de dar-lhe o troco
e você, talvez, nem jamais fique sabendo.

O que importa de verdade é o que você sentiu
e, mais importante, é o que ainda você sente:

Mágoa? Rancor? Ressentimento? Ódio?

Você consegue perceber que esses sentimentos
foram escolhidos por você?
Somos nós que escolhemos o que sentir
diante de agressoes e de ofensas.

Quem nos faz o " mal " é responsável pelo que faz,
mas NÓS somos responsáveis pelo que sentimos.
Essa responsabilidade tem a ver com o Amor que
devemos e temos que sentir por nós mesmos.
 
O ofensor fez o que fez e o momento passou,
mas o que ficou aí dentro de você?

Mágoa?
- Você sabia que de todas as drogas ela é a mais cancerigena?
Pela sua própria saude, jogue-a fora.

Rancor?
- Ele é como um alimento preparado com veneno irreconhecivel:
dia mais, dia menos, você poderá contrair doenças
de cujas origens nem suspeitará.

Ressentimento?
- Pois imagine-se vivendo dentro de um ambiente
constantemente poluido, enfumaçado, repleto de
bactérias e de incontáveis tipos de virus:
é isso que seu coração e
seus pulmoes estão tentando aguentar.
Até quando você acha que eles vão resistir?

Ódio?
- Seus efeitos são paralisantes.
Seu sistema imunológico entrará em conflito com esse
veneno que com o tempo poderá colocar você
face a face com a morte e talvez muito tarde
você venha a perceber que melhor seria ter deixado
que seu agressor colhesse os frutos do próprio plantio.

Por seu próprio Bem e pelo seu Bem, perdoe.

O perdão o libertará e o fará livre para ser feliz.
Esqueça o " mal " que lhe foi feito.
Deixe que seu ofensor lembre-se dele através das
consequências com que, certamente, virá a arcar.

Mude seu destino ... seja o comandante da sua nau!
Escolha o melhor caminho para sua " viagem ".

... e se outras vezes o ferirem, perdoe ...

Perdoe ... nem que seja só por sacanagem !


- Postado por: rosamar as 19h41
[ ] [ envie esta mensagem ]





TIVE O SOL NA MÃO

tive o sol na mão, quando me sorriste,
tive o mundo aos pés, quando nos amámos,
foi-se o sol, a luz, quando nos zangámos,
foi-se o mundo, o céu, quando tu partiste.

resta a sombra, o breu, cinzas do passado,
noites frias, só triste solidão,
faltam pai e mãe com a doce mão,
seus conselhos bons, sempre a nosso lado.

vida assim nao é vida pra viver,
vida assim é mais vida a olvidar,
mas se deus é bom, nao vou esquecer,

antes vou lutar, tudo ultrapassar,
e enquanto vivo, até enfim morrer,
hei-de o bem fazer, muito e muito amar.

(do grande amigo "el nunes" incluido no seu
novo livro macedonia ou amalgama literaria)



- Postado por: rosamar as 07h11
[ ] [ envie esta mensagem ]



 


Você

Uma rosa um espinho,
Um espinho uma dor,
Uma dor uma paixão,
Uma paixão um amor.

Um amor um sofrimento,
Um sofrimento uma lembrança,
Uma lembrança a saudade,
A saudade uma esperança.

A esperança uma luz,
Uma luz uma claridade,
Uma claridade uma vida,
Uma vida você,

Você pra sempre.
 
(Autor(H)Alma guerreira)



- Postado por: rosamar as 07h22
[ ] [ envie esta mensagem ]



  A real friend
Listens with the heart
And never stops believing in you
Even if you give up on yourself
 
 

   

 

OFEREÇO UMA ROSA

A quem me deu perfume,
A quem me deu sentido,
A quem só me fez bem,
Ofereço uma rosa,

Aqueles que sorriram comigo,
Aqueles que comigo partilharam lágrimas
Aqueles que souberam da minha existência
Ofereço uma rosa

Aos nobres do sentir
Aos ricos do viver
Aos imperadores do amor.
Ofereço uma simples rosa

Aqueles que simplesmente foram amigos
Que ternamente fizeram do silêncio sair sons,
Que cantaram comigo,

Que me olharam, e, me sentiram
Ofereço a minha rosa,
Àqueles realmente interessantes!

                                         ( Autor desconhecido)

 

 



- Postado por: rosamar as 21h10
[ ] [ envie esta mensagem ]



Olhe...
 
Quando estiver em dificuldades e pensar em desistir,
OLHE PARA TRAS
E lembre-se dos obstaculos que ja superou!
 
Se tropeçar e cair, levante-se; nao fique frustrado,
OLHE PARA FRENTE
E esqueça o passado.
 
Ao sentir-se orgulhoso por alguma realizaçao pessoal,
OLHE PARA DENTRO
E sonde suas motivaçoes.
 
Antes que o egoismo o domine, enquanto o seu coraçao é sensivel,
OLHE PARA OS LADOS
E socorra aos que o cercam.
 
Na escalada rumo às mais altas posiçoes, no afã de concretizar seus sonhos,
OLHE PARA BAIXO
E observe se nao está pisando em alguem!
 
Em todos os momentos da vida, seja qual for a actividade,
OLHE PARA CIMA
E busque a aprovaçao de Deus!
 
(Charles Chaplin)

[do meu amigo Osmar-orkut]



- Postado por: rosamar as 16h31
[ ] [ envie esta mensagem ]





ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ

***

FAZ PARTE DA VIDA...
ALGUMAS PESSOAS ENTRAM E SAEM DAS NOSSA VIDAS SILENCIOSAMENTE.
OUTRAS FICAM UM POUCO MAIS E DEIXAM MARCAS NOS NOSSOS CORAÇOES.
DAÍ EM DIANTE JAMAIS SEREMOS OS MESMOS...


***

 

A Vida é uma peça de Teatro...
Que não permite ensaios.
Por isso...
Cante, chore, ria, dance e viva intensamente,
Antes que a cortina se feche...
E a peça termine sem aplausos!

avidaeumapecadeteatro.jpg

amizade

"Cada pessoa que passa em nossa vida é unica. Sempre deixa um pouco de si e leva um pouco de nós. Ha os que levaram muito, mas nao ha os que nao deixaram nada. Esta é a maior responsabilidade de nossa vida e a prova evidente de que duas almas nao se encontram por acaso".
(Antoine de Saint-Exupery)



- Postado por: rosamaria2948 as 17h23
[ ] [ envie esta mensagem ]



 


ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ

GRATIDAO DE AMIGO

Pela amizade que você me devota,
por meus defeitos que você nem nota...
Por meus valores que você aumenta,
por minha fé que você alimenta...
Por esta paz que nóss nos transmitimos,
por este pao de amor que repartimos...
Pelo silêncio que diz quase tudo,
por este olhar que me reprova mudo...
Pela pureza dos seus sentimentos,
pela presença em todos os momentos...
Por ser presente, mesmo quando ausente,
por ser feliz quando me vê contente...
Por este olhar que diz "Amigo, vá em frente!"
Por ficar triste, quando estou tristonho,
por rir comigo quando estou risonho...
Por repreender-me, quando estou errado,
por meu segredo, sempre bem guardado...
Por seu segredo, que só eu conheço,
e por achar que apenas eu mereço...
Por me apontar pra DEUS a todo o instante,
por esse amor fraterno tao constante...
Por tudo isso e muito mais eu digo

"DEUS TE ABENÇOE AMIGO!"
ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ

 

ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ

 Voce Tem um Amigo 

Quando você estiver pra baixo e com problemas 
E precisar de algum carinho
E nada, nada estiver dando certo 
Feche seus olhos e pense em mim
E logo estarei aí
Para clarear a sua noite mais escura 

Apenas chame meu nome 
E você sabe onde eu estou 
E eu virei correndo, oh, sim eu virei, pra ver você 
Inverno, primavera, verão ou outono 
Tudo que você tem a fazer é chamar
E eu estarei aí 
Você tem um amigo 

Se o céu sobre você 
Se tornar escuro e cheio de nuvens 
E aquele velho vento do norte começar a soprar 
Mantenha sua cabeça no lugar 
E chame meu nome alto 
Logo você me ouvirá batendo à sua porta 

Apenas chame meu nome 
E você sabe onde eu estou 
E eu virei correndo pra ver você 
Inverno, primavera, verão ou outono
Tudo que você tem a fazer é chamar 
E eu estarei aí 

Não é bom saber que tem um amigo? 
Quando as pessoas se apresentam tão frias 
Elas vão lhe machucar e lhe abandonar
E vão carregar a sua alma, se você deixar 
Mas não deixe que o façam 

Apenas chame meu nome 
E você sabe onde eu estou 
E eu virei correndo para ver você 
Inverno, primavera, verão ou outono 
Tudo que você tem a fazer é chamar 
E eu estarei aí

ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ 

 



- Postado por: rosamaria2948 as 18h25
[ ] [ envie esta mensagem ]



COMER SEM PENSAR

- Está alegre, come!
- Está triste, come!
- Perdeu uns quilinhos, comemora comendo!
- Tem preguiça de fazer exercícios físicos
- De vez em quando bate aquela deprê de domingo
e você desconta na comida
- Adora comer (às vezes até estufar)
- Tem facilidade para engordar
- Come na frente da TV
- Come estudando
- Come por comer
- Quando sai de casa a primeira coisa que pensa é:
onde a gente vai comer?
- Enfim... se já não é uma gordinha
certamente tem potencial para ser uma!!
- Então, pare de comer (só por esse minuto)
na frente do pc e pense se nao vale a pena
um pequeno sacrificio!...

 

 

A VIDA É UM ARCO-IRIS QUE INCLUI O NEGRO

IEVGENY YEVTUSHENKO - POETA RUSSO



- Postado por: rosamaria2948 as 14h03
[ ] [ envie esta mensagem ]



ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ

O unico tirano que aceito neste mundo
É a pequena voz silenciosa que ha dentro de mim.



(Gandhi)

ღ ღ ღ ღ ღ. ღ ღ ღ ღ ღ

MADRE TERESA DE CALCUTA
"nao posso parar de trabalhar, tenho toda a eternidade para descansar"




- Postado por: rosamaria2948 as 18h14
[ ] [ envie esta mensagem ]



EU CHORAVA PORQUE NAO TINHA SAPATOS,
ATÉ QUE ENCONTREI UM HOMEM QUE NAO TINHA PES...




(PROVERBIO CHINES)



- Postado por: rosamaria2948 as 17h02
[ ] [ envie esta mensagem ]













..... FEITO COM MUITO CARINHO! .....




CANTINHO DA ADOPCAO



PODE BRINCAR COM A MINHA GATINHA













































Letras de Musicas










Se alguem faz alguma coisa que lhe parece injusta e inaceitavel, lembre-se de que isso se deveu às inumeras causas e condiçoes independentes da vontade dele. Se as emoçoes nao o aprisionassem, ele teria optado por criar só a felicidade. (Dalai Lama)

Por que vai aborrecer-se pelo que disseram de voce!? Vamos, levante sua cabeça e siga em frente! Caminhe seguro, porque aqueles que falam de voce vao ficar parados atras sem progredir. E quando eles perceberem, voce ja progrediu tanto que eles o perderam de vista...

É necessario conhecer a emoçao para viver a razao. Saber ouvir é arte de quem seleciona o que falar. Calar para ouvir é aprender quando, como e o que falar.

A franqueza nao consiste em dizer tudo o que se pensa, mas em pensar em tudo o que se diz.

Deus nao nos fez para sermos roidos pela ansiedade, mas para andarmos erectos, livres e sem medo num mundo que existe trabalho a executar, verdade a procurar e amor para dar e conquistar.

A felicidade verdadeira é barata, mas nós pagamos caro por sua imitaçao.

Nao permaneça preso ao passado nem a recordaçoes tristes. Nao remexa uma ferida que está cicatrizada. O que passou, passou! Deste momento em diante, procure construir uma vida nova, na direcçao do alto, caminhando para frente, sem olhar para tras.

É muito importante que o homem tenha ideais. Sem eles, nao se vai a parte alguma. No entanto, é irrelevante alcança-los ou nao so apenas necessario mante-los vivos e procurar atingi-los.

Quando verdadeiramente nos comprometemos com uma decisao todo o universo conspira para que aquilo dê certo. O momento é de agir, e nao de aguardar. Pare de pensar e aguardar: simplesmente faça!



MAE WEST

"When I'm good, I'm very good; but when I'm bad, I'm better."
("Quando sou boa, sou muito boa; mas quando sou má eu sou muito melhor.")

"Nunca pergunte a um homem por onde ele andava. Se nao estava fazendo nada de errado, nao precisa de alibi. E se estava, a culpa é sua, minha filha."

"Os diamantes saos melhores amigos de uma mulher. O cachorro é melhor amigo do homem."

GABRIELLE "COCO" CHANEL

"Uma mulher que nao usa perfume nao tem futuro."

"Ha pessoas que têem dinheiro e ha pessoas que sao ricas."

"Aos 20, voce tem o rosto que a natureza lhe deu; aos 50, voce terá o rosto que merecer."

"Sou contra uma moda que nao dure. É o meu lado masculino. Nao consigo imaginar que se jogue uma roupa fora so porque é Primavera."

"Luxo nao é o contrario de pobreza, mas de vulgaridade."

"Uma mulher tem a idade que merece."